Frutas com baixo índice glicêmico – As 7 amigas da saúde!

Não é novidade que pessoas que sofrem de diabetes tenham que atentar-se à alimentação, ainda mais quando se trata de restrições de consumo. Para os indivíduos que são acometidos por esse problema, optar pelo consumo de algumas frutas é essencial para levar uma vida mais saudável.

As frutas com baixo índice glicêmico são as mais indicadas para diabéticos, sendo que as versões in natura precisam ser as principais fontes de consumo.

Para quem não entende muito do assunto, a velocidade que o açúcar proveniente dos carboidratos consumidos pela alimentação é digerido e eliminado é o que determina o índice glicêmico. A medição é feita com uma escala de 100 unidades, na qual zero não possui carboidratos e 100 tem totalidade de carboidratos.

Se você é diabético e está procurando as melhores frutas para o consumo, confira, a seguir no Quero Viver Bem, as mais saborosas e mais indicados pelos especialistas!

Abacaxi

beneficios do abacaxi

Ideal para diabéticos, ele auxilia na digestão de alimentos com proteínas, além de ser muito rico em propriedades antibacterianas, anti-inflamatórias e antivirais. No abacaxi, encontra-se uma grande quantidade de vitamina A, além de ácido fólico, cálcio, enxofre, magnésio, betacaroteno, fósforo, potássio, magnésio, cloro, sódio e fibras solúveis. Portanto, além de ter um baixo índice glicêmico, ele ajuda a baixar os níveis de colesterol.

Cada 100 gramas de abacaxi possui:

  • Índice glicêmico: 59;
  • Calorias: 50 kcal;
  • Carboidratos: 13,12 g;
  • Açúcares totais: 9,85 g;
  • Fibras: 1,4 g.

Amora

amora

O índice glicêmico da amora  é baixo e ela é abundante em compostos que estimulam a liberação da insulina no organismo. Isso a eleva à categoria de um dos melhores alimentos para quem tem diabetes, ou aqueles que fazem uma dieta com baixo teor glicêmico.

Essa é uma fruta com alto teor de vitaminas A, B, C, cálcio, potássio, magnésio, selênio, fósforo e ferro. Também, é rica em antioxidantes do tipo antocianina, que atuam nas células combatendo os radicais livres. Além de tudo, ela conta com propriedades adstringentes, antissépticas, antioxidantes, depurativas e digestivas.

Cada 100 gramas de amora possui:

  • Índice glicêmico: 22;
  • Calorias: 43 kcal;
  • Carboidratos: 9,61g;
  • Açúcares: 4,12g;
  • Fibras: 5,3g.

Ameixa

ameixa tabela nutricional

Muito embora seja muito conhecida e apreciada por pessoas com problemas intestinais, por conter muita fibra, celulose e pectina, a ameixa também é rica em vitamina A, B, E potássio e ferro, além de ter ação antiviral e antibacteriana, pois contém antioxidantes e fito nutrientes.

Cada 100 gramas de ameixa possui:

  • Índice glicêmico: 39;
  • Calorias: 46 kcal;
  • Carboidratos: 11,42 g;
  • Açúcares totais: 9,92g;
  • Fibras 2,4g.

Cereja

Com um baixo índice glicêmico, a cereja ajuda a manter o nível de açúcar sob controle, além de contar com quercetina, um flavonoide que controla os níveis de colesterol e triglicérides sanguíneos, além de quebrar as moléculas gordurosas das paredes das veias e artérias, facilitando a circulação sanguínea.

Também, são ricas em antocianinas e ácido elágico, com propriedades anti-inflamatórias, anticancerígenas e eficiência no controle dos radicais livres. Em matéria de vitaminas, a cereja também é muito rica, sendo fonte de potássio, vitamina C e vitaminas do complexo B, que facilitam a digestão e agem de forma a eliminar alguns tipos de dores de cabeça.

Cada 100 gramas de cereja possui:

  • Índice glicêmico: 22;
  • Calorias: 63 kcal;
  • Carboidratos: 16g;
  • Açúcares totais: 0,66g;
  • Fibras: 2,1g.

Maçã

Maça

A maçã contém vitaminas A, B e C e quantidades excelentes de niacina, sódio, enxofre, potássio e fibras. Além dessas propriedades, esse é um alimento com baixa caloria.

Ela regula os níveis de colesterol, o intestino e o açúcar no sangue. Também, é conhecida por aumentar a imunidade e agir como anti-inflamatório.

Cada 100 gramas de maçã possui:

  • Índice glicêmico: 38;
  • Calorias: 52 kcal;
  • Carboidratos: 13,81g;
  • Açúcares totais: 10,39g;
  • Fibras: 2,4g.

Morango

Kiwi Morango e Laranja

Com uma grande carga de antioxidantes que trabalham o sistema imunológico e neutralizam os radicais livres, o morango é um ótimo alimento para quem faz ou não faz dietas.

É rica em vitaminas A, B e C, fósforo, ferro, potássio, sódio e magnésio, além de ser farta em betacaroteno, ácido elágico e antocianina. Esta fruta é muito usada no tratamento de anemias, e em dietas de baixas calorias.

Cada 100 gramas de morango possui:

  • Índice glicêmico: 40;
  • Calorias: 33 kcal;
  • Carboidratos: 7,68g;
  • Açúcares totais: 4,89g;
  • Fibras: 2g.

Abacate

Resultado de imagem para abacate

O abacate é uma das frutas mais ricas nutricionalmente falando. Baixo em carboidratos e rico em fibras e gorduras insaturadas, a fruta apresenta altos teores de ácido oleico, beta-sitosterol, glutationa, carotenoides, tocoferóis, luteína e beta-criptoxantina, substâncias que ajudam a diminuir o colesterol e triglicerídeos sanguíneos, combatem o estresse oxidativo, auxiliam no tratamento de doenças, reduzem inflamações, previnem o câncer, entre outras funções. Além disso, possui também vitaminas e minerais como o complexo B, A, C, E, potássio, ferro e magnésio.

Apesar de ser muito saudável, a presença das gorduras insaturadas acaba elevando seu valor calórico, por isso deve ter o consumo moderado por quem deseja emagrecer. Contudo, é um excelente alimento para dietas de emagrecimento, pois, além de ter muitas vitaminas e minerais, promove bastante saciedade, diminuindo a fome durante o dia.

Cada 100 gramas de possui:

  • Índice glicêmico: praticamente não altera o índice glicêmico;
  • Calorias: 160 kcal;
  • Carboidratos: 8,5 g;
  • Açúcares totais: 1,5 g;
  • Fibras: 6,7 g.

 

Para diminuir o índice glicêmico das frutas ou de outros alimentos, adicione fibras a eles, pois ela irá diminuir a velocidade com que o açúcar será absorvido. Colocar chia, aveia e linhaça nas frutas é uma maneira de deixar o índice glicêmico menor e causar mais saciedade.

Gostou? Então, confira, também, Frutas para diabéticos – As 6 amigas da saúde!


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário