Noz da índia emagrece? É tóxica? Como consumir? Verdades sobre a semente

A noz da índia ( Aleurites moluccana) é uma semente com potencial termogênico natural, a característica a tornou popular pela função de emagrecimento – apesar de não existir comprovação científica de que seu uso ajuda no controle de peso. No Brasil, a comercialização da noz foi proibida em 2017 pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) após associação de três mortes ao uso de chá de noz da índia, os ocorridos foram justificado pelo nível de toxidade do alimento.

A moda em consumir noz da índia para o emagrecimento  deixou vítimas em todo o mundo. A  administradora Elisângela de Melo foi uma das que embarcou na onda dos resultados rápidos a todo custo: a mulher comprou as sementes pela internet e após consumir conforme orientação do vendedor teve fortes dores de cabeça, queda da pressão arterial e febre. Sem procurar ajuda médica, acabou se tornando mais uma vítima.

Noz da india

Noz da índia emagrece mesmo?

Pode-se encontrar em uma série de blogues e sites na internet informações de que a noz da índia emagrece cerca 12 quilos por mês devido seus potenciais termogênicos. A capacidade de acelerar o metabolismo é verdadeiro, no entanto, não há nenhuma comprovação científica de que o uso do chá de noz da índia ou cápsulas de farinha da noz possam ajudar no controle de peso.

Como não há indicação médica ou científica para o consumo da noz da índia com a finalidade de emagrecimento o que resta são as recomendações da internet: as fontes mostram que ela age diretamente nas gorduras localizadas do corpo, eliminando-as por meio de ação diurética associada ao poder laxativo e termogênico do produto. Na internet pode-se encontrar uma série de depoimentos e fotos de antes e depois mostrando experiências reais com a semente.

No entanto, há quem contraponha o potencial da planta. Conforme explica a nutricionista Vânia Barberan, do Conselho Regional de Nutrição do Rio de Janeiro, a noz da índia possui alta quantidade de gorduras, portanto, seu uso em excesso pode até engordar. “A pessoa acha que está emagrecendo, mas pode estar desidratando”, explica a médica em entrevista a rádio CBN.

É importante que você nunca se esqueça que a noz da Índia, assim como qualquer outro alimento natural que esteja ligado ao auxílio no emagrecimento, não fazem milagres. Praticar exercícios físicos e manter uma alimentação saudável de acordo com suas necessidades específicas são os segredos para emagrecer com saúde.

Como consumir?

Normalmente são indicados 1/8 da semente logo de manhã, antes mesmo de você ingerir qualquer alimento – o comportamento seria seguido por uma semana. A partir da segunda semana,  recomendava-se cortar a semente em 4 partes iguais e ingerir apenas uma parte, também no período da manhã. Após o uso se recomenda beber muita água.

É tóxica?

Mediante estudo laboratorial da Universidade de Vila Velha, no Espírito Santo, constatou-se que a noz da índia tem grandes níveis de toxidade, principalmente se consumida in natura. Na pesquisa, mostra-se que há dois tipos de sementes: a “chapéu de napoleão” (Thevetia peruviana) qual possui altos níveis de toxidade e a Aleurites moluccanus a qual possui níveis um pouco menores de periculosidade, mas também não se deve ser utilizada para fins de emagrecimento.

Em todos os tipos da noz da índia há quantidades de saponina e forbol, substâncais com ação tóxica quando consumido de forma crua e em grande quantidade. As versos concentradas em farinhas são ainda mais perigosas, conforme indica a nota oficial publicada pela Anvisa. 

No caso da popular “chapéus de napoleão” duas sementes inteira são o suficiente para levar à morte. O quadro geralmente começa com cólicas intensas e diarreia, a pressão baixa, a pessoa se sente tonta e pode desmaiar repentinamente.

Como consumir noz da india

Efeitos colaterais

Não existem muitos estudos que sejam concretos em relação à noz da Índia, mas podemos encontrar assuntos relacionados a efeitos colaterais. Os mais comuns são causados pela semente são:

  • Problemas respiratórios;
  • Flatulência;
  • Forte diarréia;
  • Desidratação;
  • Dor de cabeça;
  • Laxativo;
  • Arritmia cardíaca;
  • Dor muscular;
  • Desidratação;
  • Câimbras;
  • Enjôos;
  • Taquicardia;
  • Dores no estômago;
  • Inchaço nas pernas;

Por ser uma substância diurética pode causar também algumas dores musculares, pressão baixa e sensação de fadiga. Estudos laboratoriais indicam que o poder laxativo é tanto que a diarreia pode ocasionar graves graus de desidratação e desnutrição a ponto de levar a morte.

Benefícios da noz da índia

Antes dos escândalos associados ao emagrecimento com chá de noz da índia e suplementos com farinha da semente, o produto era utilizado como tempero. O uso para a alimentação não é perigoso por que, durante o cozimento, a semente perde a toxidade. O problema é consumi-la in natura, em forma de pedaços.

A semente possui 48% de carboidratos, 19% de fibras, 64,5% de gorduras e 3,33% de proteínas. Apesar de não haver estudos científicos que comprovem a vantagem do consumo, acredita-se que pode ocorrer:

  • Aceleração do trânsito intestinal;
  • Diminuição de celulite;
  • Diminuição do colesterol;
  • Melhora da aparência da pele e cabelos;
  • Tratamento da hemorroida;
  • Redução da fome e sensação de saciedade;
  • Diminuição da gordura corporal.

Noz da india emagrece

 

Onde comprar? É proibido?

A noz da índia deve ser utilizada somente via recomendação médica, já que é considerada altamente tóxica. Com a autorização ela pode ser comprada em lojas de produtos naturais e mercados de importados. Cada pacote possui 12 sementes que duram em média 2 meses.

Antes de comprar, observe se ela está verde. Se estiver pode comprar, mas caso ela esteja manchada, murcha ou armazenada em um local que não seja fresca, desista, pois não haverá efeitos.

O gosto da semente não é apreciado por muitas pessoas, portanto o indicado é que você ingira da mesma forma que faz com um comprimido, sem mastigar e deixar que ela desça com a ajuda de água. O pedaço é muito pequeno o que fará com que você não tenha dificuldades nenhuma em engolir. Antes de preparar para o consumo é preciso conferir como partir as nozes de forma correta.

Contra indicações

As principais contra indicações são para as gestantes, para as mães que estão amamentando seus filhos, pessoas idosas, crianças abaixo de 15 anos e pessoas com patologias que estejam relacionas ao sistema digestivo, que estejam tomando antibiótico ou possuam problemas cardíacos.

Referências usadas neste conteúdo

AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA. Noz da índia está proibida no Brasil. Disponível em <http://portal.anvisa.gov.br/rss/-/asset_publisher/Zk4q6UQCj9Pn/content/noz-da-india-esta-proibida-no-brasil/219201?inheritRedirect=false> 2017

INSTITUTO BRASILEIRO DE ESTUDOS HOMEOPÁTICOS. Plantas tóxicas. Disponível em <http://files.fitobotanica.webnode.com.br/200000021-15be616b85/Plantas_toxicas.pdf> 2004

CBN. Promessa de emagrecimento, noz da Índia é tóxica e não tem eficácia comprovada. Disponível em <http://cbn.globoradio.globo.com/editorias/ciencia-saude/2016/05/28/PROMESSA-DE-EMAGRECIMENTO-NOZ-DA-INDIA-E-TOXICA-E-NAO-TEM-EFICACIA-COMPROVADA.htm> 2016


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

1 Estrela2  Estrelas3  Estrelas4  Estrelas5  Estrelas (12 votos, média: 3,50 fora de 5)
Loading...

Quem Leu Este Artigo também costuma ler:

13 Comentários

  1. Renata
  2. Silvia
  3. Cinhia
  4. Mauriza
  5. Edilza
    • Talita Gruber
  6. Lucinea
  7. Edna Ramosde Souza da Silva
  8. Geni Simplício dos Santos Peres
  9. simone
  10. Sandra
  11. Adelma
  12. Jéssica

Deixe um Comentário