Vitamina B2 – Benefícios, Alimentos que contêm, Casos de Deficiência

Você sabe para que serve a vitamina B2? Confira, aqui no Quero Viver Bem, informações completas sobre o assunto, bem como dicas em casos de deficiência.

A B2 é uma vitamina pertencente ao famoso complexo B. O nutriente, que também é conhecido como Riboflavina, é solúvel em água, o que significa que o organismo não consegue reter naturalmente uma grande quantidade dele.

Na prática, isso quer dizer que é importante ingerir uma quantidade diária ideal de vitamina B2 para mantê-la em níveis adequados no organismo e evitar deficiências.

Mas, por que essa vitamina é tão importante e para que ela serve? Simples: a B2 atua na produção de energia, garantindo o correto funcionamento do organismo, além de contribuir positivamente com a saúde de pele, boca, visão, sistema nervoso e crescimento de crianças e adolescentes.

Confira mais a respeito dessa vitamina, abaixo, só aqui no Quero Viver Bem!

Vitamina-B2

[VEJA TAMBÉM: VITAMINA B1 – BENEFÍCIOS]

Benefícios da vitamina B2

A vitamina B2 proporciona excelentes benefícios ao organismo, sobretudo quando ingerida na quantidade diária recomendada e de forma contínua. Neste caso, é possível obter:

1. Mais energia

O nutriente participa diretamente na produção de energia pelo corpo, obtida por meio do metabolismo de proteínas e carboidratos. Por isso, com níveis adequados de B2 no organismo é possível ter mais energia e disposição no dia a dia.

2. Suporte no crescimento

A vitamina B2 dá suporte no processo de crescimento de crianças e adolescentes, garantindo que seja saudável e ocorra corretamente. Portanto, é grande aliada de quem está em fase de desenvolvimento, devendo ser inserida na alimentação.  Além disso, essa vitamina é necessária para a correta formação do feto.

3. Antioxidantes

O nutriente tem ação antioxidante e combate radicais livres do organismo. Na prática, isso significa que o sistema imunológico se torna mais resistente a doenças, como resfriados, aterosclerose e câncer.

Além disso, o efeito antioxidante promove uma melhora da pele, estimulando a produção de colágeno e minimizando o risco de desenvolvimento do envelhecimento precoce.

4. Hemácias

A vitamina B2 participa da produção de hemácias saudáveis que atuam no transporte de oxigênio pelo corpo, fazendo com que chegue a todos os órgãos. Paralelamente, contribui para evitar o desenvolvimento de doenças associadas ao sangue, como a anemia.

5. Proteção dos olhos

A vitamina B2 evita o desenvolvimento da opacidade do cristalino, protegendo a saúde dos olhos e evitando doenças como a catarata, que possui grande incidência entre idosos.

6. Redução de enxaquecas

O nutriente é especialmente indicado para reduzir a frequência e a intensidade de dor de cabeça muito forte, como a enxaqueca. Em casos graves, o uso da vitamina B2 em altas doses é prescrito por médicos.

Alimentos com vitamina B2

Vitamina-B2

[LEIA TAMBÉM: VITAMINA B3 – BENEFÍCIOS]

Consumir alimentos ricos em B2 é a forma ideal de ter esse nutriente em níveis adequados no organismo. Confira, a seguir, os principais indicados e a quantidade de nutrientes que cada um possui, considerando uma porção de 100 gramas:

  1. Levedo de cerveja: 4,3 mg de vitamina B2;
  2. Fígado de boi: 2,69 mg de vitamina B2;
  3. Amêndoa: 1 mg de vitamina B2;
  4. Ovo: 0,3 mg de vitamina B2;
  5. Queijo branco fresco: 0,25 mg de vitamina B2;
  6. Leite de vaca: 0,24 mg de vitamina B2;
  7. Iogurte natural: 0,22 mg de vitamina B2;
  8. Espinafre: 0,13 mg de vitamina B2.

Possíveis riscos em casos de deficiência

A deficiência de vitamina B2 pode levar ao mau funcionamento do organismo, porque há maior risco de queda de energia e menor oxigenação dos órgãos, aumentando a possibilidade de contração de doenças.

Entre as principais enfermidades estão anemia, catarata e mal de Alzheimer. Além disso, há uma maior chance de ganho de peso, porque carboidratos e gorduras não serão corretamente metabolizadas durante a digestão.

Outros problemas que a falta de vitamina B2 no organismo pode causar são: anormalidades nos fetos, neurodegenerações, problemas cardiovasculares e perda de visão.

Os principais sintomas da deficiência são feridas nos lábios e na língua, estomatite e dermatite seborreica.

Como identificar a ausência de vitamina B2

A maneira mais exata de identificar a deficiência de vitamina B2 é realizando exames clínicos indicados por um médico. No entanto, alguns sintomas físicos pontuais podem indicar a falta de Riboflavina, tais como:

  • Constante fadiga;
  • Erupções/feridas na boca;
  • Vista cansada, embaçada e com fotossensibilidade;
  • Fraqueza muscular;
  • Diminuição ou estacionamento do crescimento;
  • Inflamações cutâneas;
  • Língua inchada e vermelha;
  • Insônia;
  • Inchaço corporal.

[VEJA TAMBÉM: VITAMINA B5 – BENEFÍCIOS]

Tratamento para deficiência de vitamina B2

A deficiência de B2 é tratada com a reposição do nutriente pela alimentação, passando a consumir a quantidade diária recomendada, que varia de acordo com a idade da pessoa.

Homens adultos, por exemplo, devem consumir 1,3 mg de vitamina B2 por dia. Já mulheres adultas têm que ingerir 1,1 mg diariamente. Gestantes, por sua vez, precisam de uma dose de 1,4 mg.

Quando a vitamina não é consumida pela alimentação, é possível utilizar suplementos de B2, que, geralmente, são prescritos pelo médico, de acordo com a situação do paciente.


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário