Vinagre de maçã – O que é? Benefícios, Tabela nutricional e Consumo

Você sabe o que é o vinagre de maça e quais os seus benefícios? Confira essas e outras informações completas, aqui no Quero Viver bem!

O vinagre se destaca por sua versatilidade – seja na cozinha, no preparo de alguns pratos, seja na limpeza de casa – além de ser considerado, desde sua origem, como uma substância medicinal.  No Antigo e Novo Testamento, já pode-se encontrar referências a tal ingrediente.

No Egito Antigo, a substância era usada como medicamento. Desde aquela época, portanto, o vinagre tem grande usabilidade. Conheça quais são os seus benefícios, a tabela nutricional, as formas de consumo, as contraindicações e outras informações, só aqui no Quero Viver Bem!

Benefícios do vinagre de maçã?

Vinagre de maça

Com um paladar mais frutado, caracterizado por sua menor acidez, o vinagre de maçã é muito usado na culinária como tempero de saladas e preparo de molhos.

Por ser um produto natural – o vinagre de maçã é obtido a partir da fermentação do suco concentrado da fruta ou do extrato do bagaço – há inúmeros benefícios que o cercam, principalmente graças às suas propriedades:

  • Ajuda a combater as bactérias que são prejudiciais ao aparelho digestivo;
  • Alivia a fadiga;
  • Auxilia na produção de energia do organismo;
  • Auxilia no controle dos níveis de glicose e de colesterol;
  • Fortalece o sistema imunológico;
  • Inibe as enzimas que se responsabilizam pela digestão dos carboidratos, dificultando a absorção deles;
  • Mantém a pele saudável;
  • Melhora o trânsito intestinal;
  • Proporciona saciedade;
  • Reduz os sintomas de inflamações e alergias;
  • Reduz a pressão arterial;
  • Trata manchas senis, verrugas e acne (quando aplicado de maneira tópica, claro).

Curiosamente, o vinagre de maçã é considerado um remédio natural para tratar determinadas doenças, como diarreia e intoxicação alimentar.

Além disso, consumir o vinagre de maçã pode ser uma excelente maneira de diminuir os níveis de açúcar e de colesterol do sangue. Segundo um recente estudo, o alimento reduziu em 36% a glicose sanguínea e em 13% o colesterol.

[VEJA TAMBÉM: VINAGRE DE MAÇA ORGÂNICO]

Tabela nutricional do vinagre de maçã

Vinagre de maça2

Cada método de fermentação do vinagre de maçã pode gerar características físico-químicas distintas que irão refletir nos componentes e nas concentrações.

Conforme informações do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos), a tabela nutricional do vinagre de maçã pode ser assim definida:

  • Ácido acético;
  • Água;
  • Betacaroteno;
  • Cálcio;
  • Carboidratos;
  • Catequinas;
  • Fósforo;
  • Magnésio;
  • Pectina;
  • Polifenois;
  • Potássio;
  • Quercetina.

Por isso, com todos esses elementos na composição, se vê que o vinagre de maçã tem, entre suas várias propriedades, destaque na área antibiótica, antioxidante e antisséptica.

Como consumir o vinagre de maçã?

O vinagre de maçã pode ser incluído diariamente em sua dieta, porém seu consumo deve ser moderado – entre duas a quatro colheres de sopa, diluídas em água. Isso vale para o caso de você querer ingerir o produto sem pensar em outra alternativa – apenas tome cuidado para fazer a diluição, pois, do contrário, poderá prejudicar o esmalte dos dentes.

Na salada, o vinagre de maçã é um bom tempero. Ainda, em água ou suco, o alimento também cai bem. Lembre-se de usar uma colher de chá de vinagre de maçã na salada do almoço e outra na do jantar, o restante pode ser acrescido em suco ou água.

Nos supermercados e lojas de produtos naturais, procure adquirir o vinagre de maçã orgânico, não filtrado e não pasteurizado, ok?

É importante que você saiba que o produto pode destruir bactérias ruins ao organismo, mas pode acabar atacando outras no processo. Em casos assim, você sofrerá com uma irritação intestinal que poderá provocar diarreia.

Contraindicações

O uso do vinagre de maçã é contraindicado para pessoas que sofrem com gastroparesia (distúrbio que impede que o estômago realize seu processo digestivo em velocidade apropriada).

Pessoas que fazem uso de medicamentos contínuos devem conversar com um médico antes de incluir o vinagre de maçã na dieta, pois o alimento pode interagir com determinados remédios, como diuréticos, laxantes e outras medicações.

Além disso, se você apresenta úlceras gástricas ou qualquer outro problema relacionado deve evitar o vinagre.

A acidez dele pode até alterar o pH do sangue e ocasionar acidose metabólica. É claro que esse problema só pode ser causado quando a pessoa consume o vinagre em altas quantidades.

O vinagre de maçã pode ser incluído no dia-a-dia, sem exageros, e, se associado a uma alimentação adequada, pode trazer todos os benefícios citados anteriormente.

Gostou? Confira, também, vinagre de maçã em jejum faz bem?


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário