O que são verrugas, como remover, cuidados e tipos

Veja aqui quais são os principais tipos de verrugas existentes, quais os cuidados necessários, como remover corretamente e muito mais.

Pequenos crescimentos na pele que podem incomodar muito quem possui são as verrugas, que costumam ser inofensivas para a saúde, porém, quando se fala em estética e praticidade, podem ser grandes inimigas.

Essa condição pode ser retirada facilmente com tratamentos de farmácia, cirurgias e prevenção, além de casos em que o problema some sozinho. Veja, aqui, informações completas e fique por dentro do assunto:

Verrugas: o que são?

O que são verrugas, como remover, cuidados e tipos

Causadas por vírus, as verrugas costumam ser pequenos “destaques” na pele e, na maioria das vezes, não apresentam maiores problemas para quem convive com o elas. Tamanho, formato e coloração podem variar de pessoa para pessoa e de cada tipo, sendo elas:

Verruga plantar

O clássico “olho de peixe”, essas verrugas costumam aparecer na região dos pés, sendo facilmente confundidas com calos. Geralmente, são amarelas, com pontinhos pretos ao redor e ásperas. Mesmo que sejam mais profundas do que outros tipos e tenham tratamentos mais complicados, na maioria das vezes, são benignas.

Verruga genital

Como o nome já diz, acontece nas áreas genitais do corpo humano, tendo relação com doenças sexualmente transmissíveis. Essas verrugas costumam ser de tons rosas e macias, sendo necessário um tratamento especial -caso contrário, é possível que tumores e vários tipos de câncer acometam a região.

Verruga subungueal

Localizadas logo abaixo das unhas, costumam ficar escondidas quando há o uso contínuo de esmaltes de tonalidade escura, porém não passam despercebidas, modificando o formato e a ondulação das unhas.

Verruga comum

As mais encontradas afetam áreas do corpo em que há maior atrito, como mãos, joelhos, cotovelos ou dedos. É normal que aconteçam desde a infância, sendo, geralmente, benignas.

Verruga filiforme

Bem fininhas, elas costumam ser benignas e acontecem em pessoas com mais idade ou que possuem a imunidade baixa. Com frequência, alojam-se no pescoço, na face e, até mesmo, nas pálpebras.

Verruga plana

Costuma ser amarelada e menor, surgindo, normalmente, no rosto e em grande quantidade, porém não são prejudiciais à saúde.

Principais causas

O surgimento de verrugas pode estar associado a várias causas, por exemplo:

  • HPV: o Papiloma Vírus Humano infecta a derme, gerando as verrugas;
  • Lesão na pele: machucados ou áreas mais depiladas;
  • Transmissão pelo toque: contato da área infectada com um corte, unha encravada ou relações sexuais;
  • Reinfecção: Reincidência do problema em pessoas que têm ou tiveram o problema.

O diagnóstico de verrugas não é complicado, podendo ser feito por meio da avaliação clínica de um dermatologista. Somente em casos muito avançados é que o problema é tratado com a realização de biópsia ou tipagem de DNA.

Fatores de risco

O que são verrugas, como remover, cuidados e tipos

A verruga pode acometer qualquer pessoa, porém há maiores tendências em:

  • Crianças e adolescentes que estão mais suscetíveis a machucados e lesões de pele;
  • Pessoas que costumam roer as unhas das mãos;
  • Gestantes, devido às alterações hormonais do organismo;
  • Pessoas que sofrem com o sistema imunológico mais fraco, principalmente portadores de doenças autoimunes ou que tenham HIV.

Diferença entre pinta, mancha e verruga

Esses três tipos podem ser facilmente confundidos, porém é importante saber diferenciar cada um, já que há casos em que é necessária uma análise mais profunda sobre o que é e quais as consequências dessa aparição na pele.

  • Pintas: marcas pequenas com cores escuras (quase pretas). Possuem textura diferente da pele e são sensíveis ao tato. É importante ficar de olho, pois não costumam aumentar ou diminuir – nesse caso, procure um médico;
  • Manchas: mais claras e não possuem a textura igual à da pele, aparecendo nas áreas do corpo em que há maior exposição solar;
  • Verrugas: protuberantes em relação à pele, sendo irregulares, com cores específicas, sem forma definida e em qualquer parte do corpo.

A melhor indicação é procurar um dermatologista o quanto antes, principalmente nos casos em que há desconfia ou maiores problemas na área afetada.

Como remover verrugas?

Há vários tratamentos disponíveis no mercado para remoção de verrugas, como a crioterapia, que corta ou queima a protuberância da pele, a cirurgia a laser e o uso de remédios com base em ácido, como Verrux, Duofilm, Callotrat ou Kalonat.

Para pessoas mais pacientes, é possível usar creme esfoliante na região até que a verruga caia por completo, porém pode demorar algum tempo até o resultado efetivo.


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário