Principais Erros Cometidos nos Treinos de Perna – Como evitar?

O treino pesado ajuda a alcançar os resultados desejados mais rapidamente. Mas, quando as séries são feitas sem cuidado, sem a ajuda de um personal, o prejuízo é enorme! Manter a postura e levantar a carga correta são variáveis que fazem toda a diferença ao final do treinamento, sendo que o treino de perna, muitas vezes, é deixado de lado, ou é praticado com muitos erros.

Erros aparentemente mínimos, como de postura, causam prejuízos ao corpo, à saúde e aos resultados. Seja para fortalecimento ou para ganho de massa muscular, a execução correta é essencial para alcançar seus objetivos. Conheça os principais erros cometidos nos treinos de perna e saiba como corrigi-los:

Principais erros cometidos nos treinos de perna

Alguns erros levam o seu treino ao fracasso. Eles podem ser o motivo pela sua falta de resultados.Muitas vezes, você comete alguns deles e nem sabe! Veja os principais e como evitá-los:

Carga errada

Há quem diga que quanto mais carga melhor. Errado! O peso não é um fator essencial para o resultado. Há outras variáveis ainda mais importantes, como a qualidade do movimento e a postura. O peso usado serve para progressão dos estímulos, e não para agilizar os resultados.

O contrário também prejudica. A falta de carga faz com que você não consiga a hipertrofia. É normal sentir dores após o treino, porém, nas pernas é pior, afinal, você as utiliza muito durante o dia a dia. Muita gente pensa que diminuir a carga diminuirá a dor e terá o mesmo efeito. Se você faz isso, está enganando a si mesmo! Diminuir a carga não aliviará a dor, apenas prejudicará o treino.

A carga usada deve ser adequada para a execução de cada série: a quantidade deve ser suficiente para aguentar todas as repetições de maneira uniforme.

treino de pernas erros comuns

Falta de flexibilidade e amplitude

Uma boa flexibilidade é essencial para conseguir finalizar cada repetição de maneira certa. Muita gente abusa na carga, mas não consegue completar o exercício por falta de flexibilidade. Isso gera a falta de amplitude nos exercícios – e, sem amplitude, é impossível realizar o exercício por completo.

Portanto, incluir exercícios para melhorar a flexibilidade é essencial para um bom treino de pernas.

treino de pernas como fazer

Treinar de menos ou demais

Para ter resultados, o treino de perna precisa ser na medida certa, isso inclui a carga e o tempo. Treinar em excesso é um dos erros cometidos que não gera resultado. É muito mais vantajoso fazer 3 exercícios bem executados do que vários sem amplitude e com carga errada.

Evite também de inventar demais ou ainda querer “caprichar” em determinado treino. Ao colocar carga extra ou praticar muito a mesma série, ao invés de potencializar o treino, você está é prejudicando os seus objetivos.

Intercalar os treinos de perna com os demais também faz parte de um bom plano de treinamento. Um ou dois treinos intensos semanais é o suficiente para resultados satisfatórios.

Treinar só pernas

Um dos maiores erros cometidos é treinar apenas as pernas. Existem pessoas, principalmente mulheres, com receio de treinar muito os membros superiores e ficar com “as pernas finas”. Mas, treinar só as pernas também não traz bons resultados.

Primeiro porque os músculos precisam de descanso para que aconteça a hipertrofia. E segundo, você já aprendeu aqui que vale mais a pena um treino intenso bem executado do que vários outros treinos de perna meia boca.

O correto é criar um plano de treino que intercale os treinos de pernas com os demais membros e sempre procurar executar muito bem cada exercício e cada série – isso é fundamental para os bons resultados.

treino de pernas perfeito

Treino de pernas perfeito

O treino de pernas perfeito começa com uma boa academia e um personal qualificado. Vale lembrar que tal treino é parte de um treinamento completo, portanto, um bom planejamento de treino é fundamental.

Aqui, vamos listar bons exercícios para o treino de pernas, porém, lembre-se: evite os principais erros e leve em conta os demais exercícios do seu treinamento!

  • Avanço e/ou passada;
  • Leg Press 45º;
  • Agachamento;
  • HackMachine;
  • Agachamento no Smith;
  • Stiff;
  • Mesa flexora;
  • Agachamento sumô;
  • Cadeira adutora e abdutora.

E aí? Vem cometendo esses terríveis erros? Corrija-os agora mesmo e turbine o seu treino de pernas!


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário