Tratamento para Varizes – Quais os melhores? Receitas caseiras

Chega de abalar a autoestima por conta das varizes nas pernas ou na barriga. Confira aqui os principais tratamentos caseiros para aliviar as manchas e os sintomas dos vasos estourados. Receitas com ingredientes simples!

As varizes são problemas vascular, transferidos hereditariamente, e, até hoje, a real causa para o seu surgimento é desconhecida.

Além de gerar um desconforto estético, as varizes causam muita dor, por isso existem alguns tratamentos para elas no mercado, que podem atrasar o desenvolvimento e aliviar o mal-estar que esse problema possa gerar.

Infelizmente, ainda não há um tratamento com medicamentos, entretanto, dentre os diversos métodos disponíveis, os principais são:

1. Cremes para varizes

Há no mercado uma quantidade praticamente infinita de cremes e pomadas para varizes. Todavia, esse método só serve para diminuir o inchaço e a dor causada pelas danadinhas. Nenhum vaso desaparecerá somente com o uso destes produtos, e desconfie de qualquer fornecedor que prometa isso.

Com o uso desses cremes, normalmente, é recomendável o uso de meias de compressão, que ajuda a otimizar a circulação, evitando o aparecimento de novos vasos, mas não sendo apta a desaparecer com os já existentes.

tratamento caseiro para varizes

2. Cirurgia tradicional para varizes

tratamento para varizes com espumaA cirurgia tradicional para varizes consiste na retirada total dos vasos. Tal procedimento é feito por meio de pequenas incisões na virilha e no tornozelo, inserindo um cabo que passa pela veia e a retira.

É um procedimento que dura, aproximadamente, duas horas. Seu pós-operatório é simples, sendo necessário 15 dias para repouso, evitando praticar atividades físicas e tomar sol por, em média, 30 dias, sendo necessário, também, usar meias elásticas de compressão por três meses.

É um procedimento definitivo. Entretanto, os riscos relacionados ao procedimento cirúrgico são embolia pulmonar e trombose venosa profunda.

A cirurgia convencional para varizes já é muito consagrada, sendo considerada a mais eficaz para diminuir o risco de retorno da doença.

3. Cirurgia com endolaser

É uma cirurgia considerada um pouco mais complexa, sendo que a sua realização consiste na introdução de uma espécie de sonda na veia que será ressecada. Por sua vez, a sonda gera uma energia luminosa, responsável por cauterizar o vaso gerador das varizes.

O repouso indicado para o pós-cirúrgico também é de quinze dias. O procedimento dura, em média, duas horas, mas, caso o procediemento seja realizado de forma eficaz, é possível que as varizes voltem com o tempo.

4. Escleroterapia com espuma

Procedimento que se tornou muito conhecido, consiste na injeção de uma espuma própria e específica nos vasos sanguíneos. Esse líquido injetado leva ao entupimento da via, o que impede a circulação do sangue e, consequentemente, faz com que o vaso fique sem coloração, invisível a olho nu.

Tal procedimento só pode ser feito em varizes de até 4mm de diâmetro, pois ainda não há comprovação de sua eficácia em vasos maiores.

O procedimento dura, em média, 30 minutos e a quantidade de sessões varia de acordo com a quantidade de varizes. É considerado um tratamento definitivo para os vasos, entretanto, como varizes são um problema hereditário, nada impede de que possam aparecer em outros locais.

tratamento de varizes com espuma

5. Tratamentos caseiros para varizes

Além dos procedimentos cirúrgicos, há algumas receitas caseiras que podem ajudar a evitar o surgimento de novas varizes e, caso ainda encontrem-se no estágio inicial, eliminá-las.

Alguns são:

  • Cavalinha: o consumo dessa erva ajuda a melhorar a circulação sanguínea e, em consequência disso, reduzir as varizes. O seu consumo pode até ajudar no desaparecimento das varizes em formação;
  • Calêndula: a ingestão de calêndula ajuda a reparar o tecido da pele danificado, reduzindo inchaço e dor dos membros inferiores. Além disso, ajuda a evitar a degeneração temporal das veias;
  • Aloe Vera (babosa): pode remover todo o gel e passar no local com varizes, deixando agir por 20 minutos;
  • Cipreste: a casca dessa árvore é muito conhecida por ajudar diversas doenças, principalmente doenças relacionadas ao sistema circulatório e, claro, das varizes, bastando preparar um chá e tomar 7 colheres de sopa por dia;
  • Mirtilos: é um fruto responsável por promover a circulação do sangue, pois possui propriedades vasodilatadoras e anti-hemorrágicas, ajudando a fortalecer as paredes das veias.

Não há um tratamento para varizes que garanta o desaparecimento total delas. Por ser uma doença hereditária, o seu surgimento pode continuar aparecendo em outros locais dos membros baixos.

É preciso que o indivíduo compreenda que, apesar de existir mais de um procedimento, não basta somente eliminar as que ele já possui, e sim, acima de tudo, praticar algumas atividades que evitam o surgimento de outras varizes, como exercitar-se, ter boa alimentação e ingerir alimentos que ajudem na circulação do sangue.


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário