Testosterona – O que é? Como Aumentar Naturalmente? Guia Completo!

A testosterona é um hormônio produzido naturalmente pelo corpo, tanto nos homens quanto nas mulheres, sendo que nos homens os níveis de produção são maiores. A testosterona auxilia na produção de espermatozoides no corpo bem como pelos e engrossamento da voz, por isso é tida como o hormônio da masculinidade.

A suplementação com testosterona provoca efeitos diferenciados em homens e mulheres. No caso dos corpos masculinos, resulta no aumento de libido, maior facilidade para adquirir massa muscular e prevenção à impotência e ejaculação precoce.

Enquanto isso, nas mulheres, ela acarreta no desenvolvimento de características masculinas: engrossa a voz, desenvolve pelos no rosto e pode até culminar na desenvoltura do clitóris.

Como aumentar a testosterona naturalmente

Existem formas naturais de aumentar a testosterona. A maior parte das alternativas são relacionadas a uma mudança no estilo de vida e inclusão de alguns alimentos benéficos.

Os benefícios de induzir ao aumento espontâneo do hormônio é que não há efeitos colaterais para o organismo. Além disso, várias das atitudes garantem uma série de benefícios para o corpo que vão além do aumento da testosterona.

A quantidade de ações a serem feitas vai depender dos níveis de testosterona no sangue, o que pode ser medido com um exame recomendado por um endocrinologista ou deduzido conforme a idade média do homem. Nesse caso, confira a tabela abaixo:

produção de testosterona por idade

Veja, abaixo, o que é preciso fazer para conseguir aumentar a testosterona naturalmente, sem necessidade de remédios e nem suplementos.

1 – Tenha uma alimentação Saudável

alimentos que aumentam a testosterona

Ter uma dieta equilibrada com a adição de alimentos ricos em zinco como o queijo, feijão, arroz integral, peru e iogurte podem aumentar a produção de testosterona pelo corpo. Inserir alimentos ricos nessa substância é uma maneira que não há efeitos colaterais mas não tem efeito tão rápido.

Vegetais como o rabanete, a couve de Bruxelas e o repolho e gorduras boas presentes na linhaça, no abacate e no açaí também favorecem a produção.

Alimentos que aumentam a testosterona:

Como você pode perceber, a maior parte das fontes que aumentam a produção de testosterona têm origem animal. Isso faz pensar: então os veganos e vegetarianos podem ter os níveis de testosterona afetados? Pesquisadores da Universidade de Oxford concluíram que sim, essa população tende a ter menores níveis de hormônios masculinos no geral.

Afinal, outra pesquisa – da Europe PMC, indica que dietas focadas em proteínas vegetais e comidas ricas em sal levam à desregulação dos hormônios sexuais , podendo causar até alterações histológicas no ligamento espinhal.

Por conta disso, veganos e vegetarianos têm a recomendação para montar um cardápio adequado a essa necessidade e, se necessário, devem fazer a suplementação via remédios.

2 – Tenha boas noites de sono

testosterona dormir bem

Segundo estudos, os homens que dormem pouco têm até 40% menos testosterona que o normal, pois a produção do hormônio acontece especialmente enquanto você dorme, então preze por seu sono e durma entre 7 e 9 horas diariamente.

Se tem problemas para dormir à noite então é melhor conferir o nosso post com dicas essenciais de como dormir bem. 

3 – Reduza o consumo de álcool e cigarro

cigarro testosterona

O álcool e o cigarro são dois itens que devem ser cortados se você deseja regular seus níveis hormonais. As substâncias presentes no cigarro, segundo indica pesquisas,  reduzem até 20% dos níveis de testosterona.

Enquanto isso, o álcool faz com que seu organismo perca o zinco consumido, pois o fígado quebra o estrogênio e causa essa reação. Dessa forma, a sua produção de testosterona será afetada – também é por conta disso que pessoas que fazem o uso desenfreado do álcool são mais propensas ao desenvolvimento de disfunções sexuais. 

4 – Consuma tribulus terrestris

tribulus terrestris testosterona

O Tribulus Terrestris é um suplemento feito com base em uma erva afrodisíaca da Índia e auxilia no aumento da testosterona e da massa magra. Ao consumi-la ocorre um aumento nos níveis de DHEA, que é o hormônio que antecede a testosterona. Sendo assim, consequentemente o alimento aumenta os níveis de ambos os hormônios no organismo.

Os benefícios do Tribulus Terrestris como tratamento natural para disfunções sexuais masculinas já é comprovado cientificamente por meio de pesquisas médicas. 

Esse suplemento é muito buscado por atletas que desejam aumentar a resistência física e a massa magra. Outro benefício é o aumento da energia corporal e da libido. Atenção: esse e outros suplementos devem ser consumidos apenas com orientação médica.

5 – Pratique exercícios com regularidade

exercício testosterona

Estudos da Universidade de Springer indicam que o exercício físico é uma das formas de estimular a produção de testosterona. As recomendações são da prática de musculação e atividades aeróbicas, sobretudo após os 35 a 40 anos de idade, quando há uma queda média de 1 a 3% de testosterona, o que pode acarretar no início da andropausa.

Como suplementar testosterona para aumentar a massa muscular

Para que ocorra o ganho de massa muscular, os níveis devem estar equilibrados, caso contrário não será possível ganhar mais músculos.

Existem vários malefícios de ter a testosterona baixa em seu organismo, porém é possível tomar os maiores cuidador para acabar com os baixos níveis e você não ter outros problemas e os resultados dos exames alterados.

O mais certo a se fazer é aliar a prática esportiva com técnicas para aumentar a testosterona naturalmente. Lembre-se também de respeitar o tempo correto para a maturação dos músculos e, se houver a indicação, pode ser uma boa ideia fazer o uso de suplementos para ganhar massa muscular. 

testosterona massa muscular

A importância da testosterona

A testosterona é o hormônio fundamental para o desenvolvimento dos tecidos reprodutores masculinos, como o testículo e a próstata. Além disso, também é responsável por engrossar a voz, aumentar a massa muscular, aumento da massa óssea e crescimento de pelos no corpo, quando baixa a testosterona ela pode interferir em qualquer parte do corpo, essas são os seus efeitos.

O hormônio também é importante para regular o desejo sexual masculino, pois a redução pode causar distúrbios sexuais, é testosterona a forma natural para ter mais apetite sexual em dia, além de ganhar massa. Ele é conhecido por ser um hormônio masculino, porém a testosterona não é exclusiva desse sexo, também pode ser encontrada no corpo feminino.

Sintomas da falta de testosterona

A deficiência de testosterona no corpo está associada a perda de força, cansaço, indisposição, perda de massa muscular e do desejo sexual.

Os níveis baixos desse hormônio podem causar prejuízos à saúde masculina como:

  • Queda dos cabelos,
  • Perda de libido,
  • Osteoporose,
  • Impotência sexual,
  • Ejaculação precoce,
  • Atrofia dos testículos.

Para reverter esse quadro e ter níveis de testosterona equilibrados, é necessário realizar um tratamento de reposição hormonal. Você pode consultar qualquer médico e solicitar um exame de testosterona, mas para fazer um tratamento adequado é necessário consultar com um urologista ou endocrinologista. Veja mais informações sobre no vídeo abaixo:

Benefícios da Testosterona para a saúde

Redução Do Stress

A testosterona está diretamente relacionada com o hormônio cortisol, responsável pela sensação de felicidade. Com níveis regalados de ambos hormônios no corpo você terá a inibição do stress.

Melhora Da Forma Física

Com níveis equilibrados de testosterona, seu corpo queimará gordura com mais facilidade, o que influenciará na sua forma física. Além disso, caso você faça musculação, terá muita facilidade no ganho de massa muscular.

Aumento Da Libido

A libido masculina está diretamente ligada ao nível de testosterona, ou seja, com níveis normais a elevados haverá um aumento do desejo sexual.

Aumenta A Força

A testosterona está relacionada com o aumento da força, pois fortalece a massa óssea e muscular, deixando os homens mais fortes e livres da osteoporose.

Efeitos colaterais da testosterona em excesso

Se o seu corpo está com excesso de testosterona, é muito provável que esteja ocorrendo a ingestão de hormônio sintético indevidamente, pois seu corpo não produzirá esse hormônio em excesso.

O hormônio em excesso pode trazer diversos problemas como:

  • A depressão,
  • Dores nas articulações,
  • Impotência sexual,
  • Distúrbios no sono,
  • Aumento da gordura corporal,
  • Irritabilidade.

Redução Da Fertilidade

Um dos problemas mais preocupantes é a redução da fertilidade, pois quando anabolizantes são injetados no corpo os hormônios ficam desregulados e você corre o risco de ficar impotente, estéril e criar mamas.

Riscos da testosterona sintética

A testosterona sintética foi criada para curar doenças como a atrofia testicular, mas muitas pessoas utilizam para fins estéticos, para aumentar a massa muscular e queimar mais calorias. Apesar dos efeitos imediatos, fique atento aos efeitos colaterais, e utilize apenas com prescrição médica.

O uso livre é ilegal no Brasil, e além dos efeitos no corpo, você pode sofrer prejuízos com a justiça. Fique atento e não prejudique sua saúde.

João Lindolfo Borges, professor de endocrinologia da Universidade Católica de Brasília e membro da Sociedade Brasileira de Endocrinologista e Metabologia, diz que “Tomar testosterona sem necessidade causa alterações hepáticas irreversíveis, aumenta o colesterol e os triglicerídeos, eleva a pressão, reduz a fertilidade, causa acne e altera o comportamento.”.

Aproveite essas dicas e sempre busque o equilíbrio do seu corpo com práticas saudáveis.


Referências utilizadas neste conteúdo:

CAMBRIDGE UNIVERSITY. Testosterone, sex hormone-binding globulin, calculated free
testosterone, and oestradiol in male vegans and omnivores . British Journal of Nutrition, v 64, 2011. Disponível em <https://www.cambridge.org/core/services/>

ZASSHI, Nigon. Influence of foods on the posterior longitudinal ligament of the cervical spine and serum sex hormones, 1994. Disponível em <https://europepmc.org/abstract/med/7876685>

CLINICAL SCIENCE. Effect of cigarrete smoking on levels of bioavailable testosterone in healthy men, 2001. Disponível em <http://www.clinsci.org/content/100/6/661>

GAUTHAMAN, Kalamegam. The hormonal effects of Tribulus terrestris and its role in the management of male erectile dysfunction – an evaluation using primates, rabbit and rat, 2008. Disponível em <https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0944711307002838>

Deixe um Comentário