Remédios caseiros para candidíase – Dicas infalíveis para o problema!

Você sofre frequentemente de candidíase e já não sabe mais a que recorrer? Então, confira alguns dos remédios caseiros que selecionamos!

A candidíase é uma infecção que, geralmente, afeta o órgão sexual feminino, apesar de também poder se manifestar no masculino, além de regiões como a pele, as unhas e, até mesmo, a garganta e outras regiões do corpo.

O grande causador da candidíase é o fungo Candida, que dá nome à doença. É comum ocorrer na gravidez, uma vez que ocorrem mudanças no corpo da gestante, como o aumento de acidez na vagina, que favorece a proliferação do microrganismo.

O sintoma mais característico da candidíase é um corrimento vaginal esbranquiçado. Entretanto, alguns dos sintomas mais comuns são coceira, dor e vermelhidão na região afetada. Quando ocorre no esôfago, os sintomas chegam a incluir náuseas e vômitos.

Caso suspeite estar com a doença, o mais recomendado é procurar ajuda médica especializada, que poderá indicar o uso de pomadas antifúngicas. Entretanto, alguns remédios caseiros podem auxiliar no tratamento da candidíase. Confira alguns deles, abaixo.

Remédio caseiro para candidíase

Chá de camomila

A camomila é um anti-inflamatório, ajudando a aliviar os sintomas externos da candidíase, como a coceira e a irritação, além de equilibrar a acidez da vagina, no caso da candidíase vaginal. Você pode preparar um chá e tomá-lo ou, ainda, usá-lo em um banho de assento.

Entretanto, o método apenas ajuda a aliviar os sintomas, não tratando a fundo a doença. O recomendado, portanto, é usá-lo como complemento ao tratamento médico, mas sempre consultando o especialista.

Chá de camomila

  • 250ml de água;
  • 1 colher de sopa de camomila em pó ou 1 punhado de flor de camomila.

Modo de preparo: leve a água ao fogo até ela entrar em processo de fervura. Depois, desligue, acrescente a camomila em pó ou as flores de camomila inteiras, deixando em infusão por cinco a dez minutos, com a panela tampada. Espere o chá esfriar e beba.

[CONFIRA TAMBÉM: 18 BENEFÍCIOS DO CHÁ DE CAMOMILA]

cha de gengibre e camomila

Também é possível fazer uma compensa, molhando um pano quente no chá e aplicando-o diretamente na região afetada, deixando-o agir por alguns minutos.

Banho de assento de chá de camomila

  • 1 litro de água;
  • 3 colheres de sopa de chá de camomila.

Modo de preparo: primeiramente, leve a água ao fogo até ela entrar em processo de fervura. Depois, acrescente três colheres de sopa de chá de camomila e aguarde alguns minutos para que a mistura fique morna. Por fim, despeje a mistura numa bacia e sente-se nela, sem roupa, para que a mistura entre em contato com a região afetada.

Banho de assento com bicarbonato de sódio

bicarbonato de sódio

O bicarbonato de sódio realmente ajuda a reduzir a coceira e a irritação, além de reequilibrar a acidez da vagina, no caso da candidíase vaginal.

Entretanto, assim como no banho de assento de chá de camomila, o banho de assento com bicarbonato de sódio ajuda apenas a aliviar os sintomas da candidíase, não combatendo a causa principal, que é a proliferação do fungo Candida.

O recomendado, portanto, é usá-lo como complemento ao tratamento médico, mas sempre consultando o especialista.

  • 1 litro de água;
  • 1 colher de sopa de bicarbonato de sódio.

Modo de preparo: leve a água ao fogo até que ela entre em processo de fervura. Depois, adicione o bicarbonato. Deixe a mistura esfriar e, quando morna, despeje a mistura numa bacia. Por fim, sente-se nela, sem roupa, por cerca de vinte minutos, deixando que a água entre em contato com a região afetada.

[LEIA TAMBÉM: CANDIDÍASE TEM CURA?]

Cuidado com o que vê pela internet!

É muito comum encontrar soluções milagrosas para a candidíase pela internet, desde aplicar iogurte na região afetada até limão ou vinagre de maçã. É preciso tomar cuidado, pois esses tratamentos podem, em vez de ajudar, piorar o quadro.

Como é o caso do limão. A candidíase pode surgir justamente pelo aumento da acidez na região vaginal. Aplicar limão, que por sua vez é bastante ácido, aumenta a acidez, favorecendo ainda mais a proliferação do fungo.

As dicas que demos aqui são básicas e não apresentam riscos. Recomendamos fortemente que, em caso não só de candidíase, mas também de qualquer outra suspeita de doença, procure ajuda médica especializada e não confie cegamente em métodos naturais milagrosos.

Resumo do conteúdo


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário