Remédio caseiro para gordura no fígado – 7 tratamentos naturais!

Sofre de gordura no fígado? Confira, aqui no Quero Viver Bem, 7 tratamentos naturais para prevenir e tratar o problema de forma natural!

A gordura no fígado, também é chamada de “esteatose hepática”, é um acúmulo de gordura que ocorre nas células do órgão. As principais causas são: resistência à insulina, à obesidade, aos níveis elevados de colesterol, triglicérides e hepatites virais.

Aproximadamente 20% da população mundial possui esteatose hepática, sendo que 60% dela é obesa. Um fígado gordo por muitos anos pode se transformar em hepatite e outros problemas de saúde ainda mais graves.

Geralmente, os médicos não indicam medicamentos para tratar o problema. Os pacientes são orientados a perder peso, alimentar-se saudavelmente e praticar atividade física.

Mas, é totalmente possível aliar esses cuidados com alternativas naturais! Confira, a seguir no Quero Viver Bem, 7 opções caseiras para aliviar e, até mesmo, tratar o problema!

gordura no fígado

Chá Cardo Mariano

Esse é um dos chás que mais conferem benefícios ao fígado. Ele é um excelente coadjuvante para tratar gordura no fígado, hepatite e cirrose. Inúmeros defensores de plantas medicinais afirmam que essa é uma planta digestiva que protege e estimula fígado, estômago e vesícula.

Para preparar a bebida, você vai precisar de:

  • 2 colheres de sopa de folhas de cardo mariano;
  • 500ml de água.

Ferva a água com as folhas até entrar em ebulição. Depois, deixe amornar por 5 minutos, coe e beba.

Chá de semente de erva-doce

Erva-doce

Poucas pessoas sabem que as sementes dessa especiaria são ricas em antioxidantes e possuem propriedades anti-inflamatórias que ajudam a reduzir os males que atingem o fígado.

Seu preparo é bastante simples:

  • 250 ml de água
  • 1 colher de chá de semente de erva-doce

Primeiramente, ferva a água, depois acrescente as sementes e deixe repousar por 10 minutos. Coe e beba.

Suco de melão com hortelã

As folhas de hortelã são tidas como benéficas no tratamento de problemas digestivos. Suas propriedades ajudam na revitalização do fígado e da vesícula. A aliança com o melão torna essa bebida uma grande protetora de doenças.

Para fazer esse delicioso suco, faça o seguinte:

  • 1 punhado de hortelã higienizado;
  • 1 pedaço de melão;
  • 100ml de água.

Bata os ingredientes no liquidificador. Ele ficará numa consistência bem cremosa, como se fosse um smoothie. Se precisar, coloque mais água e beba logo em seguida do preparo.

Suco de casca de limão

beneficios do suco de limao

A casca de limão possui fibras que ajudam a evitar o acúmulo de gordura no fígado. Além disso, ela promove um excelente detox para eliminar as toxinas do organismo.

Para aproveitar esses benefícios, confira como preparar e beber:

  • 250ml de água;
  • Casca de 1 limão.

Ferva a água e depois desligue. Acrescente a casca do limão e tampe a vasilha. Deixe de molho por 10 minutos, depois beba essa água sem adoçar.

Chá de vagem de pau de ferro

A vagem possui propriedades que combatem o acúmulo de gordura no fígado, bem como ajuda a tratar os sintomas decorrentes desse problema.

Para preparar a bebida. Amasse 3 vagens e deixe elas de molho em um litro da água por 3 dias.

Depois desse prazo, consuma o preparo em duas doses diárias.

Chá de Feno Grego

Feno grego

O aminoácido 4 hidroxi-isoleucina presente no feno grego é capaz de reduzir a glicose, o colesterol e os triglicerídeos do sangue. Desse modo, a gordura no fígado também apresenta melhoras.

O seu uso é bastante prático, pois é possível comprar as sementes já pulverizadas e acrescentar em sucos, sopas, saladas e outros alimentos durante o dia. A quantidade recomendada é de 25 gramas diários.

Chá de Ispagula

Suas propriedades promovem a redução do colesterol e o controle da gordura corporal. Para preparar a bebida, faça o seguinte:

  • 1 xícara de água fervente;
  • 10 gramas de ispagula.

Misture os ingredientes e deixe descansar por 10 minutos. Coe e beba.

É importante salientar que os remédios caseiros para gordura no fígado não podem ser consumidos por grávidas, lactantes e portadores de algumas doenças. Portanto, é fundamental consultar o médico antes.

[CONFIRA TAMBÉM: DIETA PARA GORDURA NO FÍGADO]

Dicas de prevenção

Uma dieta equilibrada e atividade física regular previne o aparecimento de gordura no fígado – inclusive, é uma das potentes formas de tratamento.

É importante que o indivíduo perca peso, caso não seja obeso. É ideal controlar os níveis de glicemia, colesterol e triglicérides apontados como alguns causadores do problema.

Existem medicamentos como os antirretrovirais, corticoides e estrogênio que também são tidos como causadores de gordura no fígado. Esses casos devem ser avaliados pelo médico gastroenterologista.

É importante salientar que a esteatose hepática é um problema reversível, mas, se não for tratada, pode trazer consequências graves à saúde, a longo prazo, como hepatites, cirrose e necessidade de fazer transplante.


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário