Quais os efeitos da pílula do dia seguinte?

A pílula do dia seguinte causa alguns efeitos, como sangramento fora do período menstrual, menstruação irregular, náuseas e vômitos, dores de cabeça, dor abdominal, diarreia, sensibilidade nos seios e cansaço excessivo.

Existe a pílula de uma e de duas doses, com 1,5mg e 0,75mg cada, respectivamente. Esses efeitos são incômodos e podem prejudicar a rotina da mulher. Veja como evitar alguns deles, aqui no Quero Viver Bem!

remédios

Como evitar os efeitos colaterais da pílula do dia seguinte?

Atente-se à alimentação! Logo após tomar a pílula do dia seguinte, faça uma refeição saudável. Isso ajuda a evitar as náuseas e também contribui nos casos de diarreia. A ingestão de líquidos, principalmente água, também é essencial, já que também melhora a diarreia e mantém o corpo hidratado, evitando a dor de cabeça.

As dores (de cabeça e abdominais) podem ser tratadas com analgésicos. Já a sensibilidade dos seios melhora com compressas mornas. Também, é imprescindível tomar mais cuidado, já que a menstruação poderá ficar irregular – é o período fértil também.

Cuidados ao ingerir a pílula do dia seguinte

Além desses efeitos indesejados, a pílula também é contraindicada em alguns casos. São eles:

  • Pressão alta;
  • Problemas cardiovasculares;
  • Obesidade mórbida;
  • Sangramento genital anormal ou de origem desconhecida;
  • Lactantes;
  • Gestantes;
  • Alérgicas ao componente da fórmula;
  • Homens.

Riscos da pílula do dia seguinte

É possível engravidar mesmo tomando a pílula. Embora as chances sejam pequenas, pode acontecer em alguns casos, como:

  • Tomar a pílula com levonorgestrel depois de 72 horas após a relação;
  • Tomar a pílula com acetato de ulipristal depois de 120 horas após a relação;
  • Ingerir mais de uma vez no mesmo mês;
  • Tomar junto com antibiótico;
  • Vomitar ou ter diarreia até 4 horas após tomar a pílula;
  • Usar drogas;
  • Ter ocorrido a ovulação.

A pílula do dia seguinte também pode ser perigosa para fumantes, pois o uso combinado de ambas as substâncias pode causar um derrame. Alguns médicos também informam que o uso constante desse medicamento pode levar à infertilidade feminina.


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe um Comentário