O perigo dos anabolizantes – Como eles agem no corpo?

Você é adepto de práticas esportivas? Pois esteja atento aos anabolizantes que, apesar de prometerem bons resultados, são um perigo para a saúde!

Em muitas academias se vê pessoas em busca de resultados rápidos para ficar sarado(a) e com os músculos à mostra. Para conseguir esse efeito, os anabolizantes são tidos como a grande solução, no entanto, os prejuízos deles para a saúde podem ser graves.

Na realidade, todas as pessoas sabem do perigo dos anabolizantes, mas a proposta é tão atrativa que consegue envolver uma boa parcela de afoitos que buscam pelos resultados rápidos.

Anabolizantes

O que são anabolizantes?

Anabolizantes são drogas fabricadas que atuam na substituição da testosterona, que, por sua vez, é um hormônio masculino que ajuda no crescimento dos músculos e também no desenvolvimento de algumas características físicas do homem, como voz grossa, barba e crescimento de pelos.

O fato é que algumas pessoas não conseguem produzir esse hormônio naturalmente, por isso, precisam de reposição. Nesse caso, os anabolizantes podem ser usados com prescrição médica.

O que ocorre é que muitas pessoas que não precisam da reposição de testosterona têm recorrido aos anabolizantes somente para melhorar o desempenho nos esportes, aumentar a massa magra e reduzir a gordura corporal, ou seja, por estética.

[LEIA TAMBÉM: TESTOSTERONA – COMO AUMENTAR NATURALMENTE?]

No geral, os maiores usuários dessas drogas são frequentadores de academia e atletas. Isso inclui homens e mulheres em busca de um corpo perfeito sem medir as consequências dos riscos.

É importante salientar que mesmo que alguns atletas persistem no uso de esteroides, essa ação não é aprovada pelo Comitê Olímpico, ou seja, se eles caírem no exame antidoping, sofrerão duras penalidades.

Como os anabolizantes agem no corpo?

Anabolizantes

Um dos principais mecanismos de ação dos anabolizantes é dentro das células dos músculos, onde há um rápido processo de crescimento muscular, por isso, é muito usado por pessoas que querem ter músculos aparentemente fortes e definidos.

Isso significa que uma pessoa que faz uso de anabolizantes em comparação com alguém que faz a mesma quantidade de exercícios e não usa pode ter um crescimento muscular 8 vezes maior.

Pode ser uma proposta irrecusável usar essa artimanha para alcançar os objetivos, no entanto, quando ingeridos ou injetados, os anabolizantes percorrem a corrente sanguínea e vão para órgãos importantes do corpo, como coração, fígado e músculos.

Depois disso, eles atuam no citoplasma, uma região celular, onde fazem com que o líquido próximo dessa célula entre e inche, dando crescimento aos músculos.

Mas, infelizmente, nem tudo é perfeito, já que a ação do anabolizante afeta outras áreas do corpo e pode levar a reações adversas.

Quais são os efeitos colaterais dos anabolizantes?

Algumas pessoas podem levar um tempo para notar os efeitos desagradáveis, mas não adianta se iludir, o uso sem prescrição médica é um risco e pode levar o usuário a enfrentar as seguintes reações:

  • Alterações de humor como irritabilidade, nervosismo, raiva, ilusões, confusão mental;
  • Arritmias cardíacas;
  • Aumento da pressão arterial;
  • Aumento da resistência à insulina;
  • Perda óssea;
  • Inflamação no corpo;
  • Inchaço e retenção de líquidos;
  • Catabolismo;
  • Problemas no fígado.

Alguns desses problemas podem ser irreversíveis.

Anabolizantes

[VEJA MAIS SOBRE EM QUAIS OS RISCOS DOS ANABOLIZANTES EM TREINO?]

O perigo dos anabolizantes está justamente porque eles precisam ser processados pelo fígado e, quando a quantia usada é fora dos limites, o órgão não suporta, podendo resultar em doenças como o câncer.

O fígado é um órgão que atua como glândulas exócrinas, ou seja, é ele que libera as secreções na corrente sanguínea. Caso ele não esteja bem, leva ao aumento do colesterol e ao acúmulo de gordura nas veias, o que é um fator de risco para ataques cardíacos e AVC.

Ainda, existem os riscos dos anabolizantes para homens e mulheres que se diferem, são eles:

Homens:

  • Aumento das mamas;
  • Impotência sexual;
  • Atrofia dos testículos;
  • Infertilidade.

Mulheres:

  • Queda de cabelo;
  • Aparecimento de acnes;
  • Crescimento exagerado de pelos;
  • Alteração ou interrupção do ciclo menstrual;
  • Alterações na voz e surgimento de outras características masculinas no corpo.

Mediante esses malefícios, quanto vale arriscar a sua saúde e vida por causa da aparência? Os perigos dos anabolizantes são uma realidade, sem mencionar quantas pessoas já morreram subitamente devido ao seu uso.

A maioria são jovens muito preocupados com a aparência, que são convencidos por pessoas que vendem o produto no mercado negro, já que, no Brasil, para comprar legalmente, os anabolizantes devem ser prescritos com receita médica.

Por mais tentadora que seja a ideia de usar anabolizantes, pense primeiro na sua saúde!


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário