Niacina (vitamina B3) – O que é? Benefícios, Onde encontrar e Deficiência

Você sabe o que é a Niacina? Confira, aqui no Quero Viver Bem, informações completas sobre os benefícios e onde encontrar esse nutriente vitaminico!

A niacina é popularmente conhecida como vitamina B3. Ela faz parte do grupo conhecido como vitaminas do complexo B, sendo hidrossolúvel, ou seja, solúvel em água.

São muitos os benefícios da niacina ao organismo, entre eles a eliminação de toxinas do organismo. Já a falta da niacina causa alguns problemas.

No entanto, ela é a facilmente encontrada em uma série de alimentos e também em forma de suplemento alimentar. Veja mais informações sobre este super composto, só aqui no Quero Viver Bem!

Vitamina B3

[CONFIRA TAMBÉM: VITAMINA A – BENEFÍCIOS]

O que é a niacina?

Também chamada de ácido nicotínico, a vitamina B3 é essencial para a saúde de pele, cabelo e olhos, além de outras funções e benefícios ao corpo. Ademais, contribui para a produção de energia para as células.

É uma vitamina hidrossolúvel, o que significa que o corpo não é capaz de armazená-la. O organismo a utiliza quando precisa e o restante é eliminado. Por isso, a alimentação balanceada com alimentos ricos em vitamina B3 é tão importante.

Benefícios da niacina

Basicamente, assim como as outras vitaminas do complexo B, a função da niacina é produzir energia para as células do corpo. Além disso, contribui para controlar o colesterol, melhorar a diabetes, aliviar a artrite, prevenir o câncer de boca e de garganta e colaborar com a saúde da pele.

A lista de benefícios da niacina é grande. Entre eles, destacam-se:

  • Manter a saúde das células e proteger o DNA;
  • Manter a saúde do sistema nervoso;
  • Manter a saúde da pele, da boca e dos olhos;
  • Prevenir doenças como Alzheimer, catarata e aterosclerose.

Além disso tudo, a vitamina B3 serve para outras coisas no organismo. Por ser hidrossolúvel, auxilia na remoção das substâncias químicas e outras toxinas. Entre suas funções, contribui para a produção de ácido clorídrico (HCL), ou como é popularmente chamado, suco gástrico. Logo, ajuda na digestão e evita problemas digestivos comuns, como a azia.

Outra característica da vitamina B3 é a sua participação na produção hormonal. Isso ajuda a melhorar o humor e, até mesmo, o desempenho sexual. Ou seja, ela é capaz de promover o bem-estar e deixar o dia mais feliz.

[CONFIRA TAMBÉM: VITAMINA C – BENEFÍCIOS]

Pelagra – deficiência de niacina

A falta da vitamina B3 causa uma doença chamada pelagra. E, como o excesso da niacina é eliminado pela urina, é necessário repô-la todos os dias, por meio da alimentação ou suplementação.

A pelagra causa distúrbios em várias partes do corpo, provocando, principalmente, dermatite, diarreia e demência – ou até os “três Ds”. Os sintomas são:

  • Problemas digestivos, como azia;
  • Língua inchada;
  • Vômito;
  • Diarreia;
  • Distúrbios neurológicos (como delírio, psicose, depressão, tremores e demência profunda);
  • Dores de cabeça;
  • Perda de memória;
  • Alterações na pele (descamação, manchas escuras, pele craquelada e dermatite).

Vitamina-B3

[CONFIRA TAMBÉM: VITAMINA D – BENEFÍCIOS]

Onde encontrar a niacina?

Muitos alimentos possuem a vitamina B3, principalmente os de origem animal. Alguns contam com maior quantidade que outros, como é o caso do fígado e dos peixes. Também, é encontrada em abundância em:

  • Cereais em farelo (arroz, trigo, aveia);
  • Carnes vermelhas e de frango;
  • Sementes e oleaginosas (gergelim, amendoim, lentilhas, semente de girassol, ervilhas, castanhas, nozes e amêndoas);
  • Aspargos;
  • Cogumelos;
  • Ovos.

Por ser uma vitamina hidrossolúvel, o alimento acaba perdendo um pouco da niacina durante o cozimento. Sendo assim, as melhores fontes são as consumidas in natura, como as frutas, sementes e oleaginosas.

É fácil manter a dieta equilibrada, portanto, basta incluir alguns desses alimentos em seu cardápio diário.

Há, ainda, a possibilidade do suplemento alimentar. No entanto é necessário conversar com um nutricionista para adequar a dieta ao uso do suplemento. Afinal, alguns fatores interferem na quantidade recomendada, por exemplo o sexo, a idade e se a mulher está grávida ou se amamenta.

[CONFIRA TAMBÉM: VITAMINA K – BENEFÍCIOS]

Indicações e contraindicações da niacina

A niacina é uma vitamina que todos necessitam, desde recém-nascido – a diferença é a quantidade necessária. Até 6 meses de idade, o corpo precisa apenas de 2 mg. Essa quantidade aumenta conforme o crescimento da criança. Por exemplo, a partir dos 14 anos, os homens precisam de 16 mg e as mulheres de 18 mg.

Apesar do excesso ser expelido pelo organismo, a super dosagem do suplemento pode causar alguns efeitos colaterais, como o formigamento, as dores de cabeça, a coceira e até a vermelhidão na pele.


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário