Medidor de pressão – Como usar? Tipos e Qual o melhor

Você sabia que aferir a pressão com frequência é muito importante? Aqui no Quero Viver Bem você confere qual o melhor aparelho e como medir a pressão.

Acompanhar e monitorar a pressão arterial é uma recomendação médica comum, afinal, ajuda a prevenir doenças graves, como as cardiovasculares, que podem provocar sequelas ou levar à morte.

O acompanhamento e monitoramento são feitos com um medidor de pressão, aparelho fácil de ser encontrado em farmácias e lojas especializadas. No entanto, nem todo mundo sabe como utilizá-lo.

Esse é o seu caso? Então, confira as dicas que preparamos para você usar o medidor de pressão arterial corretamente, bem como para comprar a melhor opção!

Por que aferir a pressão arterial?

Medidor de pressão

Verificar a pressão arterial regularmente é essencial para evitar problemas de saúde como a hipertensão, que se instala de maneira silenciosa e pode provocar doenças cardíacas e vasculares.

Existe, ainda, quem tenha pressão baixa, que vivencia sintomas e desconfortos físicos intensos, chegando a comprometer seu rendimento no trabalho, nos estudos e na saúde.

É justamente aí que entra a importância de usar um medidor de pressão frequentemente: ele permite acompanhar a pressão arterial com maior precisão, de modo a agir antecipadamente e controlá-la, evitando casos de doenças sérias.

Para quem o medidor de pressão é mais indicado?

  • Pessoas que foram diagnosticadas com hipertensão ou pressão baixa;
  • Aqueles que possuem doenças cardíacas e vasculares;
  • Gestantes com pré-eclâmpsia ou hipertensão.

Tipos de medidores de pressão

Medidor de pressão

De maneira resumida, há dois tipos de medidores de pressão. Um deles, inclusive mais antigo, é o manual. Trata-se do modelo que é utilizado por médicos em consultórios e hospitais. O outro tipo de medidor de pressão é o digital, opção moderna e mais fácil de ser encontrada em farmácias.

Qual medidor de pressão comprar?

Uma das principais dúvidas envolvendo o medidor de pressão é qual o melhor a comprar, o manual ou o digital. Para responder essa questão pontualmente, é interessante ressaltar alguns pontos importantes.

O modelo manual vem com estetoscópio, visor analógico e bulbo de borracha, exigindo conhecimento técnico para medição correta da pressão. Por isso, ele não é a melhor opção para pacientes.

Também há outro fator que colabora com essa afirmação: pessoas com força limitada, como as que sofrem com artrite ou tendinite, talvez não consigam manusear o medidor clássico.

os modelos digitais são mais modernos, fáceis de serem utilizados e intuitivos, tudo isso sem deixar a precisão de lado. Por isso, são as versões mais indicadas para os pacientes.

O medidor de pressão digital vem com visor, botões de acionamento e manguito (parte que infla durante a aferição). Todos funcionam à bateria/pilha e devem ser utilizados no pulso ou braço.

Qual medidor de pressão é mais preciso?

Medidor de pressão

O medidor manual é o mais preciso, mas exige que o paciente tenha conhecimento técnico para utilizá-lo. Em segundo lugar no quesito precisão está o medidor digital. Tanto o de braço quanto o de pulso entregam bons resultados, desde que utilizados corretamente, conforme indicação do médico.

Como usar o medidor de pressão digital?

O medidor de pressão digital é um equipamento simples de ser utilizado. Confira, a seguir, um passo a passo para a correta aferição da pressão, considerando o aparelho de pulso e braço:

Medidor de pulso

  • Certifique-se de que a bateria ou pilha do aparelho está carregada;
  • Posicione a mão esquerda sobre uma mesa, com a palma virada para cima;
  • Se estiver com blusa de frio, troque por outra de manga curta;
  • Prenda o manguito no pulso esquerdo, deixando o visor para cima;
  • Mantenha o braço esquerdo na horizontal, no mesmo nível do coração. Se esse cuidado não for tomado, a leitura não dará um resultado preciso;
  • Permaneça sentado, com a coluna reta, relaxado e com as pernas esticadas (sem cruzá-las);
  • Ligue o aparelho e inicie a medição;
  • Aguarde que o manguito desinfle;
  • Visualize o resultado no medidor.

Medidor de braço

O procedimento de medição é praticamente o mesmo, há somente uma mudança, o posicionamento do aparelho. Nesse caso, o medidor deve ser colocado ao redor do braço esquerdo, aproximadamente 2 centímetros acima do cotovelo.

Medidor de pressão

Interpretando os resultados do medidor

Resultados próximos a 12 por 8 são considerados normais. Valores abaixo disso podem indicar um quadro de pressão baixa. Já medições a partir de 13 por 8 indicam hipertensão, que pode ir desde o nível leve até o grave/sistólica isolada (esta última mais comum em idosos).


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário