Mandioquinha: Para que serve, benefícios e propriedades

A mandioquinha é um tubérculo, também conhecido como batata baroa, aipim branco, batata salsa ou cenoura amarela. Veja aqui informações completas.

A mandioquinha é um tubérculo, também conhecido como batata baroa, aipim branco, batata salsa ou cenoura amarela. Rica em carboidratos e nutrientes importantes para a saúde, ela é amplamente utilizada na culinária de diversos países.

A origem da mandioquinha vem dos países andinos, por isso, ela é encontrada em diversos preparos no Peru, na Colômbia e no Equador. No Brasil, a mandioquinha é cultivada nos estados do Sudeste, Centro Oeste e Sul, especialmente nos estados de Santa Catarina, Minas Gerais, Espírito Santo, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná e Distrito Federal.

Fonte de energia, esse tubérculo ganhou espaço na mesa das pessoas preocupadas em cuidar da saúde, já que ela também é uma opção nutritiva assim como a batata inglesa e a batata doce, famosa no mundo fitness.

Propriedades da mandioquinha

Mandioquinha: Para que serve, benefícios e propriedades

Não é por acaso que a mandioquinha ganhou o seu espaço. Além de muito saborosa, ela possui muitos nutrientes essenciais como vitaminas A, C e do complexo B, carboidratos complexos e fibras.

A cada 100 gramas de mandioquinha cozida, são encontrados os seguintes nutrientes:

Quando a mandioquinha é cozida por, aproximadamente, 20 minutos, o seu índice glicêmico gira em torno de 60%, ou seja, considerado médio.

Principais benefícios da mandioquinha

Esse tubérculo é uma excelente fonte de fibras solúveis e insolúveis, além disso, tem níveis extremamente saudáveis de vitaminas e minerais importantes para a saúde.

Os principais benefícios da mandioquinha são:

  • Melhora o funcionamento do intestino devido as fibras;
  • Promove uma digestão rápida;
  • Faz bem ao coração;
  • Favorece o emagrecimento;
  • Dá mais saciedade;
  • Combate a pressão alta;
  • Fornece energia para os treinos;
  • Combate os radicais livres e o envelhecimento precoce;
  • Tem efeito anabólico quando combinada com proteínas, fazendo com que os músculos recuperem-se mais rápido após os treinos;
  • Possui menor índice glicêmico do que a batata inglesa, por isso, pode ser consumida por diabéticos.

Em uma tabela comparativa, a mandioquinha possui qualidades nutricionais semelhantes às da batata doce, entretanto, mostra-se superior à batata inglesa, especialmente no quesito índice glicêmico e na quantidade de vitaminas e minerais.

Formas de consumo da mandioquinha

Mandioquinha: Para que serve, benefícios e propriedades

Uma coisa inegável é o excelente sabor da mandioquinha. Nisso, ela vence por unanimidade, pois é possível encontrar esse ingrediente em preparos dos mais simples até os mais sofisticados.

As principais formas de consumo da mandioquinha são:

  • Cozida;
  • Assada;
  • Frita;
  • Refogada;
  • Grelhada.

Esse tubérculo dá origem a inúmeros pratos, como:

  • Sopas;
  • Cremes;
  • Escondidinhos;
  • Purês;
  • Papinhas;
  • Cozidos;
  • Nhoque;
  • Canjas;
  • Suflês;
  • Bolos;
  • Chips;
  • Bolinhos de mandioquinha assados;
  • Pães;
  • Tortas.

É comum encontrar receitas FIT usando a mandioquinha, isso porque ela está entre os tubérculos que favorecem o metabolismo energético. Além disso, a mandioquinha e a batata doce são bastante semelhantes em termos nutritivos. Portanto, os adeptos da batata doce podem tranquilamente alternar seu consumo com a mandioquinha, além de mandioca, inhame e abóbora.

As sopas e os caldos com mandioquinha, certamente, são as formas de preparo mais famosos do tubérculo. É justamente no inverno que se dá a sua safra, exatamente no mês de Julho.

Não podemos deixar de citar que a mandioquinha é uma das melhores opções a serem introduzidas na alimentação dos bebês, podendo ser incrementada em sua rotina alimentar, a partir dos 6 meses de vida.

Na hora da compra, dê preferência para as mandioquinhas que não estão tão maduras, desse modo, é possível armazenar na geladeira por mais tempo, sem que estrague. Se preferir, elas podem ser congeladas, sendo que o sabor e os nutrientes são mantidos.

Evite a opção de mandioquinha frita. Assim como outros tubérculos, essa é uma forma de consumo repleta de gordura saturada, que não é benéfica para a saúde.

Agora que você conhece mais sobre essa delícia, é só ir a feira mais próxima e adquiri-la fresquinha!


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário