Mamografia – Tipos, Como é feita, Objetivo, Preço e Onde fazer

Está prestes a fazer a mamografia, mas não sabe como funciona o procedimento? Aqui no Queor Viver Bem você confere as melhores informações para as dúvidas!

Muitas mulheres sentem sensação de um aperto muito desagradável, além da própria dor ao realizar uma mamografia. Mas, você sabia que esse é um dos exames radiológicos mais importantes para o rastreio do câncer de mama?

Principalmente para aquele câncer de mama ainda impalpável, ou seja, quando são lesões ainda muito pequenas, que estão em fase inicial, a mamografia é essencial. Porém, ela vai muito além disso.

Entenda mais sobre este exame, agora no Quero Viver Bem, quais são os tipos, como ela é feita, para que serve, qual é o preço médio e onde fazer.

Mamografia

Tipos de mamografia: convencional e digital

A mamografia é uma espécie de radiografia especial, que pode ser realizada em dois tipos de aparelhos diferentes, por isso se considera a existência de duas formas de mamografia atualmente: a convencional e a digital.

Ambas fazem uso de raio-x para a produção da imagem do seio, porém elas se diferem na maneira que ocorre a captação dessa imagem:

  • Mamografia convencional: faz uso de um filme que, depois da exposição da mama ao raio-x, deverá ser processado. A imagem da mama fica armazenada no filme. Caso ocorra algum problema técnico com ele, o procedimento todo deverá ser refeito.
  • Mamografia digital: usa um detector que transforma o raio-x em sinal elétrico, sendo transmitido para um computador. Nesse caso, a imagem da mama é armazenada e recuperada eletronicamente, com a possibilidade de realçar ou ampliar alguma área, se for necessário.

No que se relacionada à capacidade de detecção de câncer de mama, muitos estudos foram realizados para comprovar se há alguma diferença significativa entre a prática da mamografia convencional e digital.

Ambas possuem o mesmo objetivo, mas se acredita que a versão digital garante mais precisão, especialmente em mulheres mais jovens e que têm mamas densas.

[CONFIRA TAMBÉM: CÂNCER DE MAMA DÓI?]

Como a mamografia é feita?

O exame de mamografia é ambulatorial e bastante simples. Não somente as mulheres devem fazer o exame, como também muitos homens veem a necessidade da realização para que se antecipe qualquer diagnóstico de câncer de mama.

Na sala de exame, é solicitado que o paciente (ou a paciente) tire a roupa da cintura para cima, além de qualquer objeto metálico que possui, tais como colares ou brincos.

O equipamento da mamografia se adapta à altura da pessoa, sendo que o paciente deve ficar em pé durante o procedimento. O técnico em radiologia fará o posicionamento da mama em uma plataforma para que a máquina comprima a mama com uma placa de plástico ajustável, a fim de obter a imagem necessária.

Durante o momento do disparo do raio-x, é importante que o paciente segure a respiração. A compressão da mama pode ser desconfortável, porém é algo rápido: entre 15 a 30 minutos, incluindo o tempo da pessoa em se ajustar com a roupa e com a mama perfeitamente preparada para o exame.

[VEJA TAMBÉM: CÂNCER COMUM EM MULHERES]

Qual é o objetivo da mamografia?

A mamografia pode detectar um câncer de mama até dois anos antes de ele se tornar palpável, isto é, antes que uma lesão seja possível de ser sentida pelo toque do médico ou do próprio paciente.

Além disso, o procedimento é fundamental para determinar alterações em exames de rotina ou de rastreamento anteriores – por isso, nessas situações, a mamografia é chamada de diagnóstico e pode até incluir imagens adicionais.

Não somente isso, pois ela não detecta somente câncer. Pode fornecer informações sobre a necessidade de outros exames, ainda mais quando são encontradas alterações, como calcificações (depósitos minerais), massas (cistos, tumores sólidos benignos e lesões neoplásicas) e nódulos.

Mamografia

A recomendação da Sociedade Brasileira de Mastologia (SMB) é que a mamografia seja realizada a partir dos 40 anos, porém a indicação pode vir antes dessa idade, caso existam casos de doença na família que precisam de controle.

No Sistema Único de Saúde (SUS), o público prioritário está na faixa dos 50 aos 69 anos.

Qual é o preço médio da mamografia?

A mamografia está disponível em planos de saúde (verifique a disponibilidade do seu, se for o caso) e pelo SUS (Lei nº 11.664/2008), por isso ela pode ser realizada gratuitamente.

Se você não conta com a cobertura do exame e prefere fazer a mamografia particular, o preço médio é de R$70,00.

Onde fazer a mamografia?

A mamografia deve ser feita em clínicas especializadas em diagnóstico por imagem ou hospitais. Opte por um local de sua confiança e com credibilidade para que o resultado do exame seja cem por cento correto.


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário