Maca peruana tem efeitos colaterais? Contraindicações

Não existe comprovação científica de que a maca peruana provoca efeitos colaterais. Isto se deve ao fato de ela ser natural, o que minimiza o risco de proporcionar reações adversas.

Maca peruana contraindicações

O fato de não ter efeitos colaterais não quer dizer que a maca peruana é um suplemento alimentar liberado a todas as pessoas. Em alguns casos, o consumo é contraindicado. São eles:

  • Grávidas e lactantes;
  • Pessoas com problemas hormonais, como desequilíbrio significativo de tais substâncias no organismo;
  • Pacientes com câncer ou endometriose;
  • Adultos e idosos diagnosticados com problemas gastrointestinais;
  • Pessoas com alergia à maca peruana.

Maca peruana

[LEIA TAMBÉM: MACA PERUANA – 10 BENEFÍCIOS]

Caso se encaixe em uma das opções de contraindicação e queira fazer uso do produto mesmo assim, a melhor dica a ser seguida é consultar um médico antes de iniciar a ingestão por conta própria.

O profissional da área da saúde analisará o caso e decidirá se o uso do produto é seguro ao paciente. Em caso positivo, a dosagem diária recomendada costuma ser personalizada, atendendo às especificidades do interessado.

Cuidados ao tomar maca peruana

Ainda que não gere efeitos colaterais, a maca peruana deve ser consumida somente na dosagem diária indicada pelo fabricante do produto ou prescrita por um médico.

A superdose não é recomendada porque não potencializa a ação da maca peruana, somente sobrecarrega o organismo com tal substância e faz com que ele elimine eventuais excessos naturalmente.

Maca peruana3

[LEIA TAMBÉM: MACA PERUANA EMAGRECE?]

Como tomar maca peruana?

Para obter todos os benefícios do produto, recomenda-se seu consumo diário e contínuo por um mês, com pausa de uma semana e retomada após esse período, ou de acordo com a recomendação de um profissional da saúde (médico ou nutricionista).

A maca peruana pode ser ingerida em cápsulas (opção mais prática) ou em pó, que deve ser adicionado a alimentos como sucos, vitaminas, frutas, bolos, pães, ovos mexidos, entre outros.


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário