O macarrão que emagrece: como funciona o Konjac?

Você com certeza já ouvir falar do Konjac, isso porque ajuda a emagrecer rapidamente e não faz mal para o corpo, leia mais aqui.

Um dos métodos mais usados para emagrecer são algumas comidas que possuem poucas calorias, preenchem o estômago e ainda assim fazem bem para o corpo no geral.

Você com certeza já ouvir falar do Konjac, uma planta que veio do Japão e cada vez mais ganha popularidade aqui no Brasil, isso porque ajuda a emagrecer rapidamente e não faz mal para o corpo.

Konjac: como funciona?

O macarrão que emagrece: como funciona o Konjac? Veja aqui.

Conhecido por ser uma planta medicinal de origem do Japão e da Indonésia, as suas raízes são muito utilizadas como um método caseiro para emagrecimento, porém ela também é usada para resolver os problemas de colesterol elevado ou prisão de ventre.

A sua utilização ocorre devido grande quantidade de fibra, o glucomanano, que é um tipo de fibra não digerível e que tem a capacidade de absorver até 100 vezes a sua quantidade de água, o que acaba formando uma massa gelatinosa que preenche o estômago, como o efeito da chia. Dessa maneira, você diminui aquela sensação de estômago vazio e aumenta a sensação de saciedade, diminuindo muito o apetite.

A fibra glucomanano presente no konjac consegue baixar os níveis altos de colesterol, além de ajudar a movimentação do funcionamento intestinal, o que evita e acaba com a prisão de ventre.

Como consumir?

A forma mais usada para o consumo do Konjac é por meio de cápsulas, nesse caso é indicado que se consuma 2 com copo de água, sempre 30 minutos antes do café da manhã, do almoço ou da janta, tudo isso pelo tempo de um mês.

É indicado que exista um tempo entre o consumo de Konjac e outra cápsula de medicamento, sempre de 2 horas, caso contrário, a absorção pode se tornar complicada.

Ele também pode ser consumido em forma de macarrão, basta fazer a substituição do macarrão comum pelo Konjac, desse modo, há uma menor inclusão de carboidratos e calorias na refeição.

É importante que você fale com o seu médico previamente antes de começar a ingerir o konjac.

Principais características do Konjac

O macarrão que emagrece: como funciona o Konjac? Veja aqui.

Ele já é apreciado faz mais de dois mil anos, é composto basicamente por fibras solúveis e não tem nenhum teor de açúcar ou amido. Ele também não tem em sua composição glúten ou trigo, o que é uma boa opção para as pessoas que sofrem com condições que impossibilitam a ingestão de glúten.

Em cerca de 115 gramas do macarrão você estará adquirindo apenas 10 calorias. O macarrão comum (de trigo) apresenta cerca de 150 calorias em 100 g.

Ele tem aspecto de gelatina e não tem muito gosto, o que significa que ele tem o sabor que você quiser dar para ele. Escolha molhos e acompanhamentos mais saudáveis como molho de tomate caseiro, carne moída, frango desfiado, legumes, ou o que preferir.

 

Efeitos colaterais mais comuns

Não é comum que surjam efeitos colaterais pelo uso de Konjac, porém pode surgir casos de gases, diarreia e dores abdominais.

Um dos pontos negativos do uso do Konjac é de que ele é pegajoso e costuma vir cozido, o que impede que o consumidor final escolha o ponto que quer comer do prato.

 

Contraindicações

O Konjac não tem contraindicações, porém é necessário que diabéticos que queiram fazer o uso desse alimentos tenham a autorização médica, caso contrário, é normal o aparecimento de hipoglicemia.

 

É importante saber que o emagrecimento promovido pelo konjac não é inteiramente comprovado, tudo vai depender da prática de exercícios físicos em conjunto com uma alimentação equilibrada. Para isso, procure um médico ou nutricionista. 

 


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário