Iogurte Tem Muita Proteína? E o Grego? Tipos e Dicas de Consumo

Que os iogurtes são deliciosos isso muita gente sabe, mas você sabia que iogurte tem muita proteína? Confira, aqui, todas as informações completas!

Iogurtes possuem boa quantidade de proteínas em sua composição, seja o grego ou o integral. Conheça os tipos de iogurtes mais saudáveis e a quantidade de proteínas presentes neles para que você possa incluir na sua dieta agora mesmo!

Proteínas e nutrientes do iogurte

Iogurte

Hoje em dia nos mercados existem milhares de opções de iogurte. Contudo, para escolher os melhores, prefira os naturais ou o grego, sem adição de açúcar e aditivos químicos, como conservantes, corantes e aromatizantes.

Veja a comparação da tabela nutricional de quatro tipos de iogurtes, considerados os mais saudáveis: natural integral, natural desnatado, grego tradicional e grego zero:

Iogurte natural integral (1 pote – 180 g):

  • Calorias: 110 kcal
  • Carboidratos: 8,3 g
  • Proteínas: 6,2 g
  • Gorduras: 5,8 g

Iogurte natural desnatado (1 pote – 180 g):

  • Calorias: 64 kcal
  • Carboidratos: 8,7 g
  • Proteínas: 6,5 g
  • Gorduras: 0

Iogurte grego tradicional (1 pote – 130 g):

  • Calorias:  95 kcal
  • Carboidratos: 4 g
  • Proteínas: 14 g
  • Gorduras: 2,6 g

Iogurte grego zero (1 pote – 130 g):

  • Calorias: 76 kcal
  • Carboidratos: 4 g
  • Proteínas: 14 g
  • Gorduras: 0

Vale ressaltar que essas quantidades podem variar de acordo com a marca do produto, por isso fique atento aos rótulos.

Além disso, os iogurtes também são ótimas fontes de vitaminas e outros nutrientes, como cálcio e potássio.

Como escolher um bom iogurte?

Como já mencionamos, existem muitos tipos de iogurtes para escolher, porém a maioria deles não é nada saudável. Por isso, separamos algumas dicas para você optar por um iogurte de qualidade:

  • Leia bem o rótulo e escolha o iogurte que tiver menos ingredientes. As melhores opções possuem apenas 2: leite e fermento lácteo;
  • Prefira os iogurtes sem sabor, pois os saborizados normalmente são altamente artificiais;
  • Não se deixe enganar pela embalagem! A maioria dos iogurtes “light”, “fit”, “diet” possuem adoçantes artificias, corantes, conservantes, entre outros aditivos nada bons para a saúde. Novamente: leia o rótulo e a lista de ingredientes!
  • Normalmente, as melhores opções de iogurte são os naturais sem sabor e o grego sem sabor. Este último, se escolhido da forma correta (com poucos ingredientes e sem açúcar) costuma ser a melhor opção por conter mais proteínas.
  • Evite aqueles com sabores, líquidos, cremosos ou até mesmo com calda. Esses possuem outros ingredientes em sua composição, o que não é saudável para o organismo.

Benefícios do iogurte

Iogurte

Por ser um alimento que tem origem no leite, o iogurte é rico em proteínas, auxiliando no ganho de massa muscular e também no emagrecimento. Pode ser usado no pós-treino, garantindo melhor construção e recuperação muscular, ou no café da manhã e lanche da tarde, oferecendo uma refeição que proporcionará saciedade.

O iogurte também é rico em cálcio, fortalecendo os ossos e dentes. Outra vantagem é o fato de esse ser um alimento que regula a flora intestinal, já que possui probióticos, bactérias benéficas para o organismo.

 

Dicas de consumo

Iogurte

O iogurte, seja qual for o tipo, pode ser consumido puro, com frutas, sementes (chia, linhaça e outras), geleia, oleaginosas, canela, cacau em pó, aveia, ou mesmo como ingrediente de receitas, por exemplo, vitaminas, smoothies, mousses, molhos para salada, entre outras opções.

Para saber a quantidade ideal de consumo, consulte um nutricionista.


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário