Propriedades do iogurte: quais os benefícios?

Veja aqui quais são os principais benefícios do consumo de iogurte para sua saúde, quais as propriedades desse alimento e muito mais.

Os iogurtes são importantes na refeição diária, pois são fontes de nutrientes ao organismo, bem como de probióticos – bactérias saudáveis para a flora intestinal.

Curiosamente, trata-se de um alimento benéfico em curto e longo prazo, além de ser facilmente inserido nas refeições do dia a dia. Confira, a seguir, como o iogurte pode ajudar sua saúde, conhecendo suas propriedades e as melhores formas de consumo.

Para que serve o iogurte

Propriedades do iogurte: quais os benefícios?

O iogurte tem uma elevada concentração de probióticos, por isso é um grande aliado de quem busca uma forma saudável e natural de melhorar a flora e funcionamento intestinal.

Além disso, essas bactérias saudáveis, presentes no alimento, proporcionam vantagens especiais, como melhora da digestão e da absorção de nutrientes, bem como o fortalecimento da imunidade.

Outra característica marcante do iogurte é a sua grande quantidade de cálcio, que é um mineral essencial para a estrutura óssea, assegurando seu correto crescimento e evitando doenças ortopédicas.

Benefícios do iogurte

O iogurte oferece benefícios variados ao organismo, especialmente quando o consumo é feito de maneira regular. Neste caso, o alimento proporciona as seguintes melhorias:

1. Regulagem da flora intestinal

Os probióticos presentes no iogurte promovem uma regulagem da flora intestinal, o que significa que o organismo consegue absorver melhor minerais e vitaminas, além de eliminar problemas como prisão de ventre, gases, inflamações no intestino e diarreia.

Ademais, existem pesquisas que comprovam que os probióticos do alimento auxiliam na prevenção de tipos de câncer associados ao sistema gastrointestinal, como o do cólon.

2. Reforço do sistema imunológico

Os probióticos também reforçam o sistema imunológico, de modo a combater infecções e prevenir o desenvolvimento de doenças, principalmente as respiratórias e intestinais.

3. Combate da candidíase

O consumo diário de 170 gramas de iogurte é capaz de controlar e combater a candidíase, infecção causada por fungos. Este resultado é garantido por conta do probiótico do alimento.

4. Controle da pressão arterial

O iogurte considerado magro, ou seja, que tem pouca gordura, controla a pressão arterial, evitando a hipertensão. Isto é possível porque o alimento é rico em potássio, um mineral que regula os níveis de sódio e evita o aumento da pressão arterial.

5. Prevenção de doenças dos ossos

O iogurte possui uma quantidade grande de cálcio, nutriente que reforça a estrutura óssea e evita doenças típicas associadas ao osso, além de minimizar o risco de fraturas.

6. Suplementação alimentar para intolerantes à lactose

Intolerantes à lactose costumam enfrentar deficiência de cálcio no organismo, o que pode trazer sérios problemas, a longo prazo. Para evitar isso, basta consumir o iogurte, porém na sua versão sem lactose ou com baixo teor desse açúcar.

Os probióticos do iogurte conseguem metabolizar/decompor a lactose, o que possibilita que o intolerante consiga comer esse derivado do leite e ingerir cálcio sem passar mal.

7. Prevenção de alergias

O probiótico é responsável por prevenir alergias como a rinite, aliviando sintomas típicos dessa enfermidade, como a coceira no nariz e nos olhos, bem como os espirros frequentes e a coriza.

Propriedades do iogurte

O iogurte costuma ter diferentes propriedades de acordo com seu tipo – se natural, grego, entre outros. Ajuda saber um detalhe: quanto mais processado for, menor será a quantidade de nutrientes. Por isso, procure investir em versões naturais ou caseiras do alimento.

Considerando uma porção de 100 gramas de iogurte natural, suas principais propriedades são:

  • Calorias – 70 kcal;
  • Carboidratos – 6 g;
  • Proteínas – 4 g;
  • Lipídios – 2 g;
  • Cálcio – 150 mg;
  • Vitamina A – 22 ug;
  • Magnésio – 11 mg;
  • Fósforo – 120 mg;
  • Potássio – 71 mg;
  • Zinco – 0,5 mg.

Iogurte emagrece?

O iogurte é um aliado no processo de emagrecimento, porque possui quantidade considerável de proteínas, que ajudam a reduzir a fome e compulsão alimentar, diminuindo a quantidade de alimentos consumidos diariamente.

Outro nutriente presente no iogurte que auxilia na perda de peso é o cálcio, que quando absorvido pelo organismo reduz a liberação de cortisol, hormônio que favorece o ganho de peso.

Como consumir o iogurte

O ideal é consumir sua versão natural, que possui maior concentração de nutrientes. Existe a possibilidade de comer o iogurte puro, com adoçante natural, frutas, aveia, oleaginosas, ou batendo com frutas, fazendo uma vitamina saudável.

Ao comprar o iogurte, escolha os mais naturais e com menos ingredientes possíveis. Para saber disso, basta ler o rótulo: um bom iogurte natural contém apenas leite e fermento. Iogurte grego também é uma boa opção, desde que não contenha açúcar, aromatizante, corante e etc.

Você pode fazer seu próprio iogurte utilizando leite (desnatado ou integral) e fermento lácteo, encontrado em casas de produtos naturais e em alguns mercados. Para fazer, basta seguir as instruções da embalagem do fermento.

Se preferir utilizar o iogurte em pratos salgados, experimente fazer molhos para massas com esse alimento ou para saladas. Iogurte com um pouco de azeite e ervas naturais fica um ótimo molho para saladas e carnes grelhadas!

 

O iogurte é bem versátil e, sabendo escolher o tipo, pode ser uma opção saudável para consumir no dia a dia.


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário