Farinha de arroz – Benefícios, Tabela Nutricional e Consumo

Você já ouviu falar na farinha feita à base de arroz? Não? Pois confira, aqui no Quero Viver Bem, informações completas sobre este produto tão benéfico!

A farinha é muito conhecida em países como Japão, Ásia e Sul da Índia, onde o seu consumo é muito grande. Aos poucos, ela vem sendo popularizada no Ocidente, por conta dos seus benefícios à saúde, bem como à sua inúmera versatilidade no preparo de receitas, substituindo a tradicional farinha de trigo.

Pessoas celíacas, que têm intolerância ao glúten, podem consumir essa farinha, que é muito bem aceita em receitas na substituição da farinha de trigo. Ela é rica fonte de vitaminas do complexo B, entre outras, como também é rica em minerais e proteínas.

Essa farinha pode ser produzida pelo arroz integral ou branco, o que a difere é a moagem dos grãos que preserva todas as suas propriedades nutricionais.

Farinha de arroz

Benefícios da farinha de arroz

A farinha de arroz oferece inúmeros benefícios ao organismo, entre eles, destaque para:

Fonte de fibras

As fibras encontradas no produto melhoram o funcionamento do intestino, que absorve melhor a água e elimina as toxinas presentes no organismo, prevenindo as inflamações e o inchaço. Também, promovem maior saciedade, auxiliando no emagrecimento.

Fortalecimento de ossos

Como ela é rica em manganês, que facilita a absorção do cálcio no organismo, acaba por fortalecer os ossos. Em apenas ½ xícara é possível obter 101% da necessidade do nutriente a ser ingerido por dia.

Anti-glúten em sua composição

A farinha de arroz é perfeita para pessoas celíacas, pois ela não contém glúten, é inodora e insípida e pode ser usada para fazer pratos doces e salgados, além de deixar os alimentos mais leves e com muito mais fibras.

Além das pessoas celíacas, muitas outras estão abolindo o glúten da sua alimentação, uma vez que a proteína cola nas paredes do sistema digestivo, ocasionando inflamações e prejudicando o organismo. Por isso, a farinha de arroz é uma excelente alternativa para quem quer ter mais qualidade de vida.

Auxílio no emagrecimento e controle de peso

Por apresentar alto índice de fibras, proporciona maior saciedade e regula a fome. Com o consumo da farinha de arroz, é possível emagrecer e manter o peso.

Mas, fique atento, pois só o consumo dessa farinha não vai fazer com que você emagreça. É fundamental aliar alimentação saudável à prática de atividades físicas diárias.

Controle dos níveis de colesterol no sangue

O alto teor de fibras que este produto possui dificulta a absorção de açúcares e gorduras no organismo, além de certos óleos específicos, que tendem a aumentar os níveis do colesterol ruim (o LDL) no sangue.

Fonte de proteínas

Na forma integral, oferece inúmeras proteínas ao organismo. Em apenas uma xícara da farinha, há, em média, 3,6g do nutriente.

Anti-alergia

Entre os cereais, este é o que tem menos reações alérgicas, por isso é considerado um alimento hipoalergênico. Isso faz com que possa substituir outras farinhas mais agressivas ao cardápio de pessoas alérgicas ou intolerantes.

Com todos esses benefícios, a farinha de arroz ainda previne o aparecimento de doenças, como diabetes tipo 2, diverticulite, entre outras doenças de cólon.

Farinha de arroz

Tabela nutricional da farinha de arroz

A farinha de arroz apresenta uma tabela nutricional muito interessante. Quem deseja agrega-la ao seu consumo, terá à disposição:

Porção de 50 g

  • Valor Energético – 181 kcal = 770 kj;
  • Proteínas – 3,6g ;
  • Carboidratos – 40 g;
  • Fibra Alimentar Total – 1,4 g;
  • Gorduras Totais – 0,7 g;
  • Gorduras Saturadas – 0,5 g;
  • Gordura Trans – 0 g;
  • Sódio – 0 mg.

Consumo diário

O consumo de fibras recomendado por nutricionistas é de 25 a 35 gramas. Esses valores devem ser divididos entre as refeições para a obtenção de todos os nutrientes necessários.

Outra dica muito importante é o consumo de água, que deve ser de 2 litros ao dia. Como a farinha de arroz é um tipo de fibra, ela precisa de água para poder exercer sua função no organismo.

A quantidade de fibras a serem ingeridas durante o dia pode fazer a diferença na sua vida. Veja as quantidade, abaixo:

  • Café da manhã: 8 g;
  • Lanche da manhã: 2 g;
  • Almoço: 15 g;
  • Lanche da tarde: 3 g;
  • Jantar: 7 g.

Com essa quantidade, a sua pele melhora, o seu intestino funciona de forma mais fluida e o seu peso mantém. Ou seja, você fica mais leve!

Farinha de arroz

Contraindicações de consumo

A farinha de arroz não apresenta contraindicações, pelo contrário! Ela é muito indicada para pessoas celíacas e para quem deseja obter uma alimentação saudável, longe do glúten.


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário