Exercícios para afinar a cintura: quais são os mais praticados?

Ter cintura fina e um corpo curvilíneo é o sonho de muitas mulheres. Embora algumas pensem que é impossível atingir esses resultados, saiba que com dedicação e determinação é mais simples ter uma barriga sequinha e a forma que sempre desejou.

Para afinar a cintura é preciso investir em dois passos fundamentais: melhorar a alimentação e fazer os exercícios certos, que ajudarão a derreter a gordura, evitar flacidez e reduzir medidas.

No que se refere a alimentação é simples, basta comer alimentos naturais, fazer todas as refeições e fugir de tudo que tenha gordura em excesso ou seja industrializado.

Já sobre os exercícios, há alguns especiais que ajudam a perder gordura localizada e afinam a cintura. Conheça aqui quais são eles e passe a praticá-los para conquistar a forma dos seus sonhos!

Exercícios Aeróbicos

Os exercícios aeróbicos são os maiores aliados de quem deseja afinar a cintura. Não é para menos, afinal, eles derretem a gordura corporal, especialmente a da região abdominal.

Por isso, inclua em seu programa de treinos para afinar cintura atividades físicas como a caminhada, corrida ou andar de bicicleta. É importante que essas atividades sejam feitas pelo menos três vezes por semana, durante meia hora.

Procure utilizar roupas confortáveis e um bom tênis para absorver o impacto da pisada, especialmente nos casos da caminhada e corrida, minimizando o risco de lesões.

Abdominal com flexão e rotação

O abdominal com flexão e rotação é um exercício localizado que evita a temida flacidez. Para fazê-lo, deite sobre um tapete ou colchonete e flexione os joelhos em um ângulo de 90 graus.

Depois, com as mãos na cabeça, eleve seu tronco parcialmente para a direita, volte à posição inicial e depois repita o movimento, só que agora para a esquerda. Continue sempre em movimento de rotação.

Para iniciantes, duas séries com 30 repetições são suficientes. Conforme o corpo for se adaptando é possível aumentar a quantidade de séries ou repetições feitas no treino.

Um detalhe muito importante: durante todo o exercício e realização de movimentos é essencial fazer força apenas na barriga e não no pescoço. Este cuidado evita o risco de lesão.

Elevação de pernas

elevação de quadris

Deite-se de lado com as duas pernas unidas e corpo totalmente estendido e alinhado. Apoie a cabeça com uma de suas mãos e deixe a outra na frente do tronco, para suporte.

Lentamente, erga uma de suas pernas e mantenha a outra apoiada e estendida no chão. Se quiser dificultar um pouco mais, utilize pesos nos pés. Faça duas séries com 10 repetições em cada perna.

Prancha frontal

Em um tapete ou colchonete, deite-se de bruços, erga o tronco, apoie os cotovelos e braços no chão. Em seguida, mantenha-se nas pontas dos pés, formando uma prancha com seu corpo, deixando-o erguido.

Contraia o abdômen e glúteo durante a realização do exercício, procurando manter o corpo reto. Fique nessa posição de 5 a 8 segundos e repita o exercício mais cinco vezes.

Prancha lateral

Este exercício é uma variação do anterior, no entanto com nível de dificuldade maior. Para fazê-lo, deve-se deitar de lado, apoiar-se no antebraço, deixando-o fixo no chão.

Mantenha seu corpo reto, especialmente as pernas, que devem estar apoiadas no piso. Fique nessa posição de 5 a 8 segundos e troque o lado, seguindo as mesmas recomendações.

O ideal é fazer duas séries com 10 repetições, 5 de cada lado, para trabalhar ambas as laterais do corpo de maneira igual e atingir melhores resultados de afinar a cintura.

Nadando no ar

Deite-se de bruços em um tapete ou colchonete. Estenda os braços, apontando-os para frente. Depois, estique e eleve sutilmente as pernas e mantenha a cabeça erguida.

Comece levantando um pouco mais o braço esquerdo e a perna direita. Alterne o movimento entre os braços e pernas, sem deixar que toquem o piso. Faça duas séries com 30 repetições.

Alongamento sentado

Sente-se sobre um tapete para exercícios com as costas retas, pernas esticadas e levemente abertas. Erga os braços, deixando-os na horizontal. Em seguida, tente tocar seu pé direto com a mão esquerda.

Repita o movimento, porém utilizando a mão direita para tocar o pé esquerdo. Faça duas séries com 30 repetições. Ao fazer esse exercício, procure manter as costas retas.

Limpador de para-brisa

Este é o exercício mais fácil de ser feito. Basta deitar no colchonete e manter os braços esticados no piso. Dobre e levante as pernas, mantendo-as juntas. Gire o quadril e pernas de um lado para o outro, sem tirar o tronco e ombros do chão. Faça duas séries com 30 repetições.


Este texto foi revisado pelo Profissional: Eduardo Lembi (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

1 Estrela2  Estrelas3  Estrelas4  Estrelas5  Estrelas (Ainda sem avaliações)
Loading...

Quem Leu Este Artigo também costuma ler:

Deixe um Comentário