Dor nos Olhos – O que é? Causa, Diagnóstico e Tratamento

Os olhos são os órgãos responsáveis pela visão e podem ser considerados muito sensíveis, mesmo que estejam localizados dentro de uma cavidade óssea e envolvidos por camadas de músculos.

O correto é que você nunca deve sentir dor nos olhos. Entretanto, caso isso aconteça, é sinal de que algo pode estar errado – embora existam motivos bem óbvios para uma possível dor nos olhos, é interessante saber que esse sintoma pode representar algo com mais gravidade.

Entenda mais sobre a dor nos olhos, suas principais causas, o que fazer quando sentir dor, quais os tratamentos existentes e dicas de cuidados com os olhos, a seguir, no Quero Viver Bem!

dor nos olhos

O que causa dor nos olhos?

Essa é uma sensação desagradável e dolorosa na região em particular. A dor pode acometer apenas a superfície dos olhos, ou o interior das estruturas que estão no interior do globo ocular ou, até mesmo, a região que cerca os olhos.

A dor nos olhos é um sintoma que pode ser descrito pelos pacientes de formas diferentes. Alguns relatam uma dor latejante, enquanto outros falam de uma dor aguda e terceiros comentam que parece uma coceira ou sensação de ardor dentro dos olhos ou ao seu redor.

Independentemente da maneira que você sente dor nos olhos, o interessante é procurar um médico, para ter certeza que sua visão não será prejudicada. Afinal das contas, a dor nos olhos não é algo comum e pode ser um sinal de outras enfermidades.

São causas desse problema:

  • Alergias;
  • Blefarite (inflamação que atinge as pálpebras);
  • Calázio (nódulo vermelho que causa dor e se localiza perto da borda da pálpebra);
  • Conjuntivite;
  • Duto lacrimal bloqueado;
  • Enxaqueca;
  • Esclerite (inflamação da esclera – parte exterior branca e dura do globo ocular);
  • Ferimentos;
  • Glaucoma;
  • Hordéolo (terçol);
  • Infecção;
  • Infecções virais, como a gripe;
  • Inflamações nas pálpebras inferior e exterior;
  • Irite (inflamação na parte colorida do olho);
  • Irritação nos olhos;
  • Irritação ou outro problema ocasionado pelas lentes de contato;
  • Neurite óptica (inflamação do nervo óptico);
  • Olhos secos;
  • Presença de corpo estranho;
  • Problemas nos seios da face;
  • Traumas;
  • Uveíte (inflamação na camada média do olho).

Se você percebeu, existem certos problemas de saúde graves, que podem ser sinalizados pela dor nos olhos. Por isso, é importante procurar assistência médica em momentos que passar por sintomas atípicos na região ocular, em especial se a dor for contínua e não desaparecer ao longo das horas, está bem?

É claro que você deve ter em mente que apenas pode estar sofrendo de problemas pequenos, como é o caso de olhos cansados. Existem, também, vezes que os olhos podem doer por causa de problemas leves no músculo do olho.

[CONFIRA TAMBÉM: CUIDADOS NECESSÁRIOS COM AS LENTES DE CONTATO]

Como diagnosticar a dor nos olhos?

dor olhos

Você precisa procurar um especialista, quando sentir dor de maneira contínua e que não passa após determinado tempo, como comentado. Mas, também precisa procurar auxílio com urgência quando apresentar:

  • Dor relacionada com algum outro problema médico;
  • Dor grave ou mesmo se durar mais de dois dias;
  • Dor que não é resultado de alguma doença viral;
  • Algo que entrou no olho e está causando dor;
  • Inchaço, vermelhidão, pressão nos olhos ou secreção que não somem;
  • Piora da visão;
  • Dor após cirurgia recentemente;
  • Deficiência no sistema imunológico;
  • Lesão no olho, seguida de dor no local.

O médico irá fazer um exame físico para que seja possível analisar a visão, o movimento dos seus olhos e a parte posterior deles. Para melhor diagnóstico e certeza do que está causando o problema, o profissional poderá sugerir determinados exames, como é o caso de:

  • Acuidade visual;
  • Biomicroscopia;
  • Checagem de pressão ocular;
  • Exame com fluoresceína;
  • Fundo do olho.

Dependendo do resultado, o tratamento irá ser recomendado.

Como tratar a dor nos olhos?

Dependendo da causa da dor nos olhos, o tratamento pode ser relativamente simples. Você será orientado(a) a utilizar colírios e compressas, em problemas menos graves, mas também, caso seja necessário para um tratamento mais específico, deverá realizar:

  • Chás calmantes;
  • Cirurgia;
  • Tratamento com laser;
  • Uso de analgésicos e remédios para baixar a febre;
  • Uso de antibióticos e antigripais;
  • Uso de medicações contra enxaqueca.

A dor nos olhos não deve ser negligenciada. Converse com o seu oftalmologista sobre o melhor tipo de tratamento para a sua situação!

Você pode tomar algumas medidas básicas, a fim de contribuir com o tratamento e a recuperação do problema – veja só:

  • Descanse os olhos, para aliviar o desconforto do esforço feito pela visão;
  • Opte pelo uso de óculos por alguns dias, ao invés das lentes de contato;
  • Tenha bons hábitos de higiene dos olhos;
  • Proteja-se quando realizar atividades perigosas para a visão.

E muito importante: faça visitas periódicas a um oftalmologista, para que se detecte qualquer problema de visão o mais precocemente possível e assim evitar quaisquer surpresas no futuro. Quanto mais cedo se descobre um problema nos olhos, mais fácil é o tratamento e uma possível cura!


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

1 Estrela2  Estrelas3  Estrelas4  Estrelas5  Estrelas (Ainda sem avaliações)
Loading...

Quem Leu Este Artigo também costuma ler:

Deixe um Comentário