Dor no quadril – Possíveis causas, Como aliviar e Tratamento

Sentir dor no quadril nem sempre é sinônimo de que algo está errado, mas é preciso ficar atento aos sinais que o corpo dá. Se esse sintoma não passar tomando medicamentos ou fazendo repouso, o correto é procurar um ortopedista.

É justamente com a dor no quadril que não passa que muitos ficam preocupados: afinal, qual será a causa disso? A resposta certeira somente um médico poderá dar, mas é possível apontar quais seriam as possíveis causas. Confira, a seguir, quais são e veja dicas para aliviar esse problema.

dor no quadril

Possíveis causas da dor no quadril

A dor no quadril pode ser um sintoma associado a alguma doença nos ossos, nas articulações e nos músculos dos membros periféricos. A lista de enfermidades desse tipo abrange opções como:

1. Artrite

Artrite é uma inflamação das articulações e um dos seus principais sintomas é a dor, além de rigidez, dificuldade para se locomover corretamente, inchaço e redução da amplitude do movimento.

Trata-se de uma doença comum (mais de 2 milhões de casos são diagnosticados todo ano), que costuma se agravar com a idade, por isso pessoas mais velhas sentem os sintomas de forma mais intensa.

2. Bursite

A bursite no quadril, também chamada de bursite trocantérica, promove uma dor aguda que se estende até o joelho. Quando a pessoa que tem essa doença fica em pé, anda ou corre, a dor se torna mais forte.

Curiosamente, a bursite nada mais é que uma inflamação e deve ser tratada com medicamentos específicos, receitados pelo ortopedista, sendo totalmente eliminada em poucos meses.

3. Compressão do nervo ciático

Se a dor for localizada na parte detrás do quadril, irradiando-se para as pernas e provocando dificuldade para fazer qualquer movimento, pode ser que o nervo ciático esteja comprimido. O melhor é procurar um ortopedista com urgência, para diagnóstico do caso, que geralmente é feito por meio de exames de imagem.

4. Tendinite

Embora seja mais comum nos braços, a tendinite também pode acometer a articulação do quadril, causando dor ao andar e correr, principalmente. Trata-se de uma lesão no músculo que é gerada ao se fazer esforços repetitivos, como treinos na academia.

5. Reumatismo

Reumatismo é um nome utilizado para designar uma lista de mais de 100 doenças que atingem ossos, articulações e músculos, podendo ser a artrose, fibromialgia, gota, entre outros, causando dores fortes nos membros inferiores.

6. Fratura

No caso da fratura, a dor é sempre muito forte, tanto que é difícil andar, sentar ou ficar em qualquer posição de repouso. Esse é um caso mais frequente em idosos (devido ao maior risco de osteoporose) e após quedas ou acidentes com trauma na região do quadril.

7. Gravidez

Durante a gestação, as mulheres enfrentam um problema comum, dores nas articulações e nos ossos, especialmente no quadril. Trata-se de um desconforto provocado, principalmente, pela má postura.

Como aliviar a dor no quadril

dor no quadril sintomas

A dor no quadril pode ser amenizada de diferentes formas, por exemplo, fazendo compressa quente (dor no músculo) ou fria (pancadas e inflamações). É possível realizá-la utilizando uma bolsa de gelo ou toalha umedecida.

Outra forma é aplicar pomadas de ação anti-inflamatória, massageando suavemente o local até a absorção do produto. Se houver dor um pouco mais forte, considere tomar uma analgésico, para aliviar esse sintoma.

Caso a dor persista ou aumente, não marque bobeira e agende uma consulta com um médico, preferencialmente o ortopedista, que é especialista no assunto, pois ele saberá analisar melhor o caso e indicará o tratamento ideal a ser seguido.

Como é o tratamento para dor no quadril

O tratamento para dor no quadril varia de acordo com o caso do paciente e da doença que provoca esse sintoma. Mas, de modo geral, costuma ser realizado com analgésicos e anti-inflamatórios. Em casos específicos, o ortopedista pode recomendar a aplicação de esteroides ou a realização de cirurgias.

Outro método de tratamento bastante recomendado por especialistas é a realização de sessões de fisioterapia, que ajudam na reabilitação e no fortalecimento dos ossos, das articulações e dos músculos, contribuindo para que a pessoa consiga movimentar-se sem sentir dor.

De início, as primeiras sessões da fisioterapia tendem a ser doloridas, mas, com o passar do tempo, é possível notar uma melhora expressiva do quadro do paciente, eliminando a dor e aumentando a qualidade de vida.


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

1 Estrela2  Estrelas3  Estrelas4  Estrelas5  Estrelas (Ainda sem avaliações)
Loading...

Quem Leu Este Artigo também costuma ler:

Deixe um Comentário