Depressão e Tristeza: Quais as principais diferenças?

Depressão e tristeza são facilmente confundidos. Alguém pode estar apenas triste por um acontecimento, ou sofrendo de depressão. Veja aqui qual a diferença.

Depressão e tristeza são facilmente confundidos. Alguém pode estar apenas triste por um acontecimento, ou sofrendo de depressão. Ambos deixam a pessoa cabisbaixa e sem animo, mas há diferenças que precisam ser observadas, pois a depressão necessita de tratamento, já que é um transtorno sério e pode levar à morte.

A primeira diferença observada é o motivo que leva ao desânimo. A tristeza surge após uma perda, ou até um acontecimento ruim em sua vida. É um sentimento passageiro. Já a depressão não apresenta um motivo claro para deixar a pessoa chateada, podendo perdurar por anos.

Vamos explicar melhor:

Depressão e tristeza são a mesma coisa?

Depressão e Tristeza: Quais as principais diferenças?

Não, não são a mesma coisa! Como dito anteriormente, a principal diferença é o motivo. A tristeza tem uma causa específica para surgir. Já o depressivo fica triste por qualquer coisa. Inclusive, pacientes com depressão podem ter tudo na vida e, mesmo assim, sentirem-se péssimos. Isso é um sinal de depressão.

Você já viu que depressão e tristeza são coisas diferentes. Entenda melhor cada uma delas:

Depressão

Uma pessoa depressiva fica triste sem motivo aparente. Ela pode ter o emprego dos sonhos, não ter dívidas, estar bem de saúde e, mesmo assim, estar triste o tempo todo. É nítido um sentimento de solidão estampado em sua face.

Longos períodos de tristeza e estresse podem culminar na depressão. Se uma pessoa vive por mais de 6 meses em um ambiente extremamente estressante, pode tornar-se depressiva.

Sintomas

Além da tristeza, a depressão causa outros sintomas, como o cansaço excessivo ou a fadiga crônica. Além de não ter o ânimo para realizar suas atividades, o paciente não consegue nem fazer as tarefas rotineiras, devido ao cansaço, sendo comum passar horas no quarto sem fazer nada.

Apesar de todo esse cansaço, o paciente também apresenta insônia. A depressão faz com que a cabeça fique fervilhando de ideias e impeça que o sono aproxime. Essa falta pode ser um forte indício de que não é apenas uma tristeza passageira. Há, ainda, outros sintomas:

  • Irritabilidade;
  • Angustia;
  • Ansiedade;
  • Pensamentos pessimistas e sobre a morte;
  • Baixa autoestima;
  • Comportamentos compulsivos;
  • Dificuldade em se concentrar.

Tratamento

O tratamento para depressão deve ser feito em conjunto por um psicólogo e um psiquiatra. Uma crise pode durar uma semana ou anos e quem teve uma vez poderá sofrer de novo. O tratamento é à base de consultas regulares e medicamentos antidepressivos. Somente o médico poderá recomendar o remédio certo de acordo com o perfil do paciente.

Tristeza

Depressão e Tristeza: Quais as principais diferenças?

Todo mundo, pelo menos uma vez na vida, já sofreu com a tristeza. Ela é causada por vários motivos, sendo passageira. É comum sofrer por alguns dias ou semanas, dependendo do motivo. Mas, não há necessidade do uso de antidepressivos.

Sintomas

A tristeza é uma recusa e dificuldade em ouvir um “não” ou aceitar uma mudança brusca e irreparável, como a morte de alguém querido. Cada um sente a tristeza a sua maneira, seja chorando ou afastando-se da sociedade por um determinado tempo.

Ela não causa insônia ou cansaço. É possível passar uma ou outra noite em claro, em estado de tristeza profunda, mas não é o mesmo que a depressão, em que a insônia e o cansaço são incontroláveis e acontecem com frequência.

Tratamento

O melhor tratamento para a tristeza é o tempo. Não é preciso o uso de medicamentos, mas, em alguns casos, recomenda-se uma visita a um psicólogo, para avaliar o caso, principalmente se os sintomas demoram para ir embora. Afinal, um longo período de tristeza (mais que 6 meses) pode tornar-se depressão.

Outra maneira de tratar o problema é melhorar a qualidade de vida, praticando algum exercício ou alterando a sua rotina. Isso ajuda a amenizar a dor e faz com que a pessoa sinta-se melhor, com o passar dos dias.

Enfim, agora que você conhece a diferença entre tristeza e depressão, já sabe que a depressão é um distúrbio emocional, que precisa de cuidados, e que a tristeza pode ser causada por problemas ou acontecimentos cotidianos, sendo passageira, momentânea, poderá cuidar melhor de si e dos seus próximos.


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário