Correr emagrece? Quais os benefícios? Boas práticas que potencializam os resultados

Você está querendo começar uma atividade física, mas não tem dinheiro para academias? Aqui no QVB, nós te apresentamos os principais benefícios de correr!

A procura por emagrecimento e meios para tal estão cada vez mais implantados na mente das pessoas. Muitos procuram por diversos artifícios para chegar ao corpo ideal, como treinos da moda, HIIT, musculação, aulas de ginástica, dança, enfim qualquer atividade que faça com que o corpo perca as gordurinhas indesejadas.

Com tantas opções de treinamento para emagrecer, o praticante esquece de uma atividade fácil, que não precisa de equipamentos, não demanda de estrutura e nem academia. Essa modalidade é a corrida.

Sim, correr emagrece, e muito! A prática é uma atividade que vem ganhando vários adeptos e hoje, no mercado, existem várias equipes e muitas pessoas que trabalham com a atividade de corrida – até mesmo as cidades promovem eventos para juntar o máximo de pessoas para correr.

Correr

[VEJA TAMBÉM: CORRER NA ESTEIRA EMAGRECE?]

Benéficos de correr

A corrida é uma das melhores atividades quando se trata de acelerar o metabolismo. Para quem quer perder peso de forma saudável, é uma atividade muito indicada, já que, com o aumento metabólico provocado pela atividade, o corpo continua acelerado por mais algumas horas após o término do percurso percorrido.

Além da queima calórica, há muitos outros benefícios, tais como;

  • Melhora da capacidade cardiorrespiratória: com o treino de corrida, seus pulmões começam a processar mais ar e assim passam a melhorar a sua capacidade pulmonar;
  • Melhora das funções renais: filtra o sangue e elimina as toxinas que circulam pelo corpo;
  • Aumento da qualidade do sono: libera substâncias como serotonina, que auxilia no bem-estar e na melhoria do sono;
  • Condicionamento físico: condiciona o corpo e os órgãos, devido ao aumento de volume de oxigênio e ao acionamento de todo o sistema cardiovascular;
  • Prevenção de lesões como osteoporose: ocorre porque a corrida fortalece articulações, ossos e musculatura;
  • Aumento da eficiência metabólica: por meio de grande intensidade do fluxo de oxigênio e da irrigação sanguínea;
  • Redução dos riscos de infarto: com o bombeamento do coração sendo mais acionado, o aumento de fluxo sanguíneo e oxigênio faz com que o coração trabalhe mais, consequentemente ajudando na prevenção de infarto;
  • Diminuição do peso corporal: devido à grande intensidade da atividade, a queima calórica é elevada;
  • Desenvolvimento da massa muscular: com o acionamento dos músculos para a execução da corrida e devido à intensidade e duração da atividade, a musculatura se desenvolve.

[VEJA TAMBÉM: ALONGAMENTOS ANTES DA CORRIDA]

Como praticar?

Para começar a correr, é necessário saber como o seu corpo vai reagir durante o treino. Cada indivíduo possui uma resistência diferente e, por isso, o treino tem que ser personalizado.

Antes de tudo, siga algumas regras:

  • Defina uma meta de corrida: não adianta querer correr 10km de cara porque está empolgado ou se acha capaz se seu corpo necessita de adaptação e de evolução. A corrida tem que ser aumentada gradativamente;
  • Monte um plano de evolução: comece com distâncias pequenas, que não sejam muito fáceis, mas que também não te levem a uma exaustão excessiva. A cada dia, aumente a distância e o desafio, até chegar no objetivo final;
  • Alongue: antes de começar qualquer atividade, efetue um bom alongamento para preparar as articulações que serão acionadas durante o trajeto. Após o término, alongue para aliviar as tensões pós-treino e não ficar com dores excessivas;
  • Aqueça: aqueça uns 5 minutos antes de começar a corrida – o aquecimento articular evita lesões.

[VEJA TAMBÉM: 5 DICAS PARA EVITAR LESÕES NA CORRIDA]

Boas práticas que potencializam os resultados

Para a prática de corrida são necessárias algumas adaptações, desde vestimentas até a execução. Siga a lista abaixo e terá o sucesso desejado:

  • Escolha tênis apropriados: há pisadas supinadas, pronadas e planas, o tênis ideal irá evitar lesões, torções e dores;
  • Utilize roupas confortáveis: por mais óbvio que seja, a roupa adequada ajuda evitando o travamento dos movimentos e otimizando o exercício;
  • Mantenha-se hidratado: a hidratação é importante para o bom funcionamento do corpo e para lubrificar as articulações;
  • Sinta prazer no exercício: quando uma atividade é feita não apenas como obrigação ou necessidade, ela se torna algo prazeroso, e assim fica mais fácil de ser executada. Corra sentindo prazer no que está fazendo.

Este texto foi revisado pelo Profissional: Eduardo Lembi (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário