Como saber as semanas da gestação?

Será preciso conhecer a Data da Última Menstruação (DUM) e contar quantas semanas já se passaram desde então. Outros exames podem indicar uma data próxima do real, mas não serão tão exatos quanto a DUM.

É difícil para algumas mulheres definirem o tempo de gestação. Salvo o caso daquelas que programam e sonham em engravidar, boa parte é pega de surpresa e não se atém às datas.

Mas, a principal referência é o ciclo menstrual. Sem essa informação, será necessário recorrer ao ultrassom e à avaliação do obstetra para chegar ao período de gestação.

Semanas de gestação2

Cálculo para conhecer semanas da gestação

Quando se sabe o dia da última menstruação, é bem fácil conhecer o tempo em semanas da gravidez. Porém, é preciso lembrar que não se trata do mesmo dia da relação sexual.

Conhecida a data, basta pegar um calendário e contar em grupos de sete dias. Veja um exemplo:

  • No dia 31 de janeiro (numa quinta-feira) foi a última vez que menstruou, na quarta-feira seguinte fechará o ciclo dos 7 dias (primeira semana da gravidez;
  • Em 13 de março, a gestação terá 6 semanas e 3 dias.

Dessa forma, poderá acompanhar toda a gestação.

 

O acompanhamento da gestação em meses

O tempo de gestação em meses é uma referência adota pelo Ministério da Saúde e por toda a rede de atendimento a gestantes. Aqui, conta-se por trimestre as etapas do pré-natal.Semanas de gestação

No exemplo acima, a gestante se enquadraria no primeiro trimestre da gravidez, que é referente a até 13 semanas de gestação, ou, se preferir, 3 meses.

O período gestacional completo dura 40 semanas, tendo como limite para o parto normal de até 41 semanas. Ultrapassado esse prazo, a gestante precisará realizar uma cesariana.

[CONFIRA TAMBÉM: COMO CALCULAR AS SEMANAS DE GRAVIDEZ?]

O pré-natal é fundamental para que a criança nasça saudável, e a mamãe conheça todos os procedimentos do parto, afastando riscos desnecessários. Mesmo que conheça quantas semanas de gestação esteja, o acompanhamento ajudará no bem-estar de ambos, além de integrar o futuro papai.


Referências utilizadas neste conteúdo:

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/cd04_11.pdf


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe um Comentário