Tipos de chocolate que fazem bem à saúde: leia aqui.

Todo mundo gosta de chocolate, não é mesmo? É praticamente uma unanimidade, mas seria perfeito se existissem tipos de chocolate que fazem bem à saúde. Será que isso é possível?

Na época dos astecas, o cacau era servido de forma natural, não tinha nenhuma adição de açúcar e, mesmo assim, era chamado de “bebida dos deuses”. Já no século XIV, iniciou o processo de redução do amargor, no qual o cacau passou a ser adoçado para a industrialização.

O chocolate virou uma guloseima rica em açúcar e gordura, que pode engordar e aumentar colesterol. Contudo, a boa notícia para os chocólatras de plantão é que existem tipos de chocolate que fazem bem à saúde e que podem trazer muitos benefícios pelo seu consumo.

Na lista dos benefícios do chocolate estão aumento do fluxo arterial, melhoria da saúde cerebral, aumento do bem estar, alívio de dores, redução de ataques cardíacos, combate aos radicais livres, entre outros. Vamos conferir os detalhes:

Efeitos do chocolate no organismo

Tipos de Chocolate que fazem bem à saúde: leia aqui.

Pode parecer até brincadeira que existam tipos de chocolate benéficos à saúde, mas não é. Isso se explica porque o cacau possui muitos polifenóis e flavonoides, que são antioxidantes que protegem o organismo dos radicais livres.

Todos os alimentos que possuem esses compostos fazem bem à saúde, pois reduzem o risco de inúmeras doenças. No entanto, as pesquisas mostram que somente alguns tipos de chocolate fazem bem à saúde, especialmente os que mantém o cacau em sua forma mais natural e sem adição de outros agentes, ou seja, os mais amargos.

Os estudos começaram em decorrência da análise da população de ameríndios Kuna, que vivem em uma ilha no Panamá, pois na região existe um alto consumo de cacau. Nesse estudo, foi notado que existe um baixo índice de doenças cardiovasculares nessa população. Dessa forma, alguns pesquisadores acreditam que os efeitos incluem:

  • Redução da pressão arterial;
  • Redução do LDL (colesterol ruim);
  • Melhoria no fluxo sanguíneo das artérias;
  • Diminuição da aterosclerose;
  • Redução de riscos de AVC (Acidente Vascular Cerebral);
  • Redução do risco de diabetes tipo 2;
  • Diminuição da inflamação, impedindo a obstrução dos vasos sanguíneos.

Uma pesquisa importante, realizada na Universidade de Georgetown, nos Estados Unidos, mostrou que o chocolate ajuda a diminuir incidência de câncer no intestino. Uma das razões disso são as procianidinas, moléculas presentes no cacau, que funcionam como antioxidantes, protegendo as células da degeneração do tumor.

Além disso, o cacau possui uma substância chamada de feniletilamina, que estimula o corpo a produzir dopamina e serotonina, hormônios relacionados ao prazer e bem estar. 

Tipos de chocolate que fazem bem à saúde

Agora vem a parte mais importante que você precisa saber. Todos esses benefícios citados sobre o chocolate não são vindos daquele tipo popular que costumamos ingerir, pois esse contêm somente 11% de derivados de cacau em sua composição, sendo que o restante é apenas gordura, leite e açúcar, que fazem a guloseima ter baixo teor de flavonoides.

Em resumo, os tipos de chocolate que fazem bem a saúde são os mais puros e amargos, já que todos os benefícios provêm do cacau. Quando a planta recebe todas essas misturas, ela perde o efeito, além de que são somadas outras substâncias que prejudicam a saúde.

Outra observação importante é que a população ingere o chocolate de forma errada: quando não é em grande quantidade, são nos horários irregulares.

Mas os amantes de chocolate podem ficar felizes com a notícia, pois, da forma correta, é possível consumir chocolate diariamente. O tipo de chocolate que faz bem possui as seguintes características:

  • Chocolate amargo 70% ou mais cacau (não contém leite e possui uma menor quantidade de açúcares);
  • Gorduras monoinsaturada: ácido oleico (aumenta o HDL- colesterol bom);
  • Ácido esteárico – gordura saturada que não interfere no colesterol total;
  • Deve ser consumido, no máximo, 25 gramas por dia;
  • As calorias ingeridas desse chocolate devem ser suprimidas de outras refeições, para que não haja aumento de peso.

O grande desafio da maioria das pessoas é acostumar com o sabor mais amargo do cacau, por isso é importante treinar o paladar a abandonar o excesso de açúcar. Com o passar do tempo, as papilas gustativas acostumam-se.

Em suma, você pode continuar comendo chocolate e, ao mesmo tempo, ganhar saúde nutrindo o seu organismo. No entanto, fique atento ao tipo de chocolate, leia sempre o rótulo e avalie se o produto possui as características citadas acima.


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

1 Estrela2  Estrelas3  Estrelas4  Estrelas5  Estrelas (Ainda sem avaliações)
Loading...

Quem Leu Este Artigo também costuma ler:

Deixe um Comentário