Castanha do Pará – Benefícios e Propriedades da Semente

A castanha do Pará é nativa da Amazônia. Além de saborosa, ela faz muito bem para a saúde. Veja todos os seus benefícios e como consumi-la

A castanha do Pará é uma semente nativa do Brasil, por isso em muitos lugares ela é conhecida apenas como castanha-do-Brasil. A planta é típica da Floresta Amazônica. Os frutos crescem em uma árvore de grande porte, que pode chegar até a 60 m de altura. É conhecida por ser muito saborosa. Mas além do seu gosto, a castanha do Pará pode trazer benefícios incríveis para a saúde.

Seu nome científico é Bertholletia excelsa. Popularmente ela pode ter diversos nomes. Nacionalmente é mais conhecida como castanha-do-Pará e internacionalmente como castanha-do-Brasil, mas ainda pode ser chamada de castanha-do-acre, noz amazônica, noz boliviana. Ela é muito abundante no norte do Brasil e no território da Bolívia, por isso recebe esses nomes.

Assim como amendoim, pistache, avelã, nozes e outras, a castanha do Pará é conhecida como um fruto oleaginoso. É naturalmente rica em óleos muito benéficos e capazes de prevenir diversas doenças. Conheça todos os benefícios dessa castanha:

castanha do pará

Combate o envelhecimento precoce, Alzheimer e Câncer

Duas castanhas por dia são o suficiente para se aproveitar desse benefício. Isso porque a semente é rica em selênio, ele combate os radicais livres e evita que haja o envelhecimento precoce das células. Aumenta a longevidade, prevenindo também tumores e doenças degenerativas, como o Mal de Alzheimer.

Melhora a aparência da pele

Rica em vitamina A e vitamina E, a castanha-do-Pará estimula a produção de colágeno. Você também pode aplicar o óleo da semente no rosto antes de dormir. O resultado é uma pele lisinha e livre de rugas.

A semente é rica em substâncias anti-inflamatórias e antibacterianas, que reduz inflamações e vermelhidão na pele, diminuindo a acne.

Sua propriedade emoliente também combate o ressecamento da pele, deixando a sedosa. Ela mantém a pele hidratada e evita rachaduras nos calcanhares.

Indicada para o treino

A castanha do Pará é fácil de comer e é rapidamente digerida, oferecendo energia para o corpo logo após comê-la, o que a torna perfeita para ser consumida antes do treino. Além do mais a semente contém proteína, ajudando a reparar os músculos, e selênio, que sintetiza a testosterona.

castanha do pará benefícios

Melhora o coração

Apenas com uma castanha diariamente é possível reduzir os triglicerídeos, colesterol e baixar a pressão arterial. Isso porque a sua grande quantidade de gorduras boas (insaturadas) ajudam a eliminar as gorduras ruins. Também irá diminuir o risco de AVC e infarto.

Reduz a diabetes

Rica em magnésio, é capaz de atuar no metabolismo da glicose, diminuindo as taxas de açúcar no sangue. Por ter baixo índice glicêmico, ela não causará picos de glicemia. Assim, a castanha do Pará evita o desenvolvimento da Diabetes tipo 2.

Melhora a aparência do cabelo

Com alto teor de ácidos graxos ômega 3, a castanha ajuda a produzir a oleosidade natural do couro cabeludo, que proporciona brilho aos fios e os protege de danos externos. Seu óleo também pode ser acrescido em shampoos, máscaras e condicionadores para tratar o cabelo.

Contraindicações

A castanha do Pará não tem contraindicações. Mas recomenda-se comer poucas unidades por dia. Isso porque uma única semente contém 27 calorias. Assim como todos os frutos oleaginosos, ela é rica em gorduras. Do total,  70% dela é feita a partir de ácidos graxos insaturados, que são as gorduras que fazem bem para o organismo. Mas para quem quer perder peso, deve-se evitar o consumo em excesso.

É preciso guardar muito bem a semente! O alto teor de gordura faz com que elas fiquem rançosas facilmente. Você pode guardar em local seco e arejado por até 3 meses, ou preservá-las na geladeira por até 5 meses.

castanha do pará para saúde

Informações Nutricionais

A cada 50 g de castanha do Pará temos:

  • Calorias: 320 kcal
  • Carboidratos: 6,3 g
  • Proteína: 7,5 g
  • Gordura: 33 g (sendo 13 g monoinsaturada, 12 g poliinsaturada e 8 g saturada)
  • Fibra: 3 g
  • Selênio: 1480 mcg
  • Magnésio: 112 mg
  • Potássio: 300 mg
  • Fósforo: 300 mg
  • Ferro: 1,7 mg
  • Cálcio: 88 mg
  • Zinco: 2,3 mg
  • Cobre: 0,9 mg

Receita de Leite de Castanha

Uma outra forma de consumir a castanha é fazendo um “leite” com ela. Por ser um leite vegetal, diferente do tradicional tirado da vaca, ele não contém lactose e é muito saudável. Seu sabor também é sem igual, sendo uma boa opção para os veganos, vegetarianos, ou pessoas intolerantes ou alérgicas ao leite comum.

Ele é fácil de ser feito e pode substituir o leite de vaca em receitas, no café, vitaminas e pode até mesmo ser tomado puro. Com ele você aproveita todos os benefícios citados acima. Veja como é fácil fazer:

  • 1 xícara de castanhas
  • 4 xícaras de água filtrada

Deixe as castanhas do pará de molho em 2 xícaras de água filtrada da noite para o dia ou por no mínimo 2 horas. Descarte a água e bata as castanhas em um liquidificador com 2 xícaras de água filtrada, até que a mistura obtenha uma consistência leitosa – bater por uns 2/3 minutos.

Coe a mistura com um pano bem fininho, para obter o máximo de líquido.

Consuma em no máximo 2 dias.

Não descarte a “polpa” que ficar retida no pano! Ela pode ser usada em receitas de bolos, patês, misturada no iogurte, entre outros.

 

A castanha é um ótimo alimento para ser incluído na alimentação; use-a em lanches intermediários, para complementar uma bela salada de folhas, em vitaminas com o leite, enfim, como seu paladar e imaginação desejarem!


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

2 Comentários

  1. Manoel Cardoso dos Santos
  2. Poliana

Deixe um Comentário