Bolo integral – Tipos e Como preparar bolos deliciosos

Na hora do preparo de um determinado alimento, como um bolo, você já parte direto para a farinha branca? Tudo bem se a sua resposta for sim, mas a verdade é que existem outras opções muito mais saudáveis para quem busca melhorar algum aspecto da saúde ou simplesmente emagrecer.

Esse é o caso da alternativa do bolo integral, isto é, uma versão que aposta na farinha integral, assim como o próprio nome da receita indica. Que farinhas são essas? Descubra quais os benefícios de um bolo integral, como prepara-lo e o que pode ser incluído na receita, para dar ainda mais sabor!

bolo integral banana

Bolo integral de quê?

A farinha integral diferencia-se da farinha branca justamente por não passar por um processo de refinamento, ou seja, enquanto que a segunda perde grande parte de seus nutrientes, a primeira mantém vitaminas, proteínas, minerais e, em especial, fibras intactas.

Dessa forma, um alimento integral traz grandes benefícios para a saúde, sendo que o mais importante deles é a ajuda na busca da perda de peso. Na realidade, um bolo integral pode ser feito de variadas farinhas integrais. Você pode escolher pela opção que mais se adequa às suas necessidades, levando em conta as vantagens e os diferenciais de cada uma.

Confira, abaixo, um resumo sobre os principais tipos de farinhas integrais:

Farinha de amêndoa

Fonte de proteínas, gorduras saudáveis e com poucas calorias, essa farinha é uma alternativa para pessoas que necessitam incluir alimentos ricos em vitamina E.

No caso da substituição de farinha branca, a farinha de amêndoa deve ser utilizada apenas como ¼ de sua quantidade, no bolo integral.

Farinha de arroz

Quando se tem intolerância ou alergia ao glúten, a farinha de arroz é uma boa opção. A vantagem é que ela pode ser produzida tanto a partir do arroz branco quanto do arroz integral.

Fonte de fibras, proteínas e carboidratos complexos, essa farinha tem sabor leve e pode ser colocada em qualquer receita.

[CONFIRA TAMBÉM: LISTA DE ALIMENTOS RICOS EM FIBRAS]

Farinha de aveia

Rica em fibras solúveis, essa farinha garante sensação de saciedade por mais tempo e auxilia na flora intestinal. Ela ainda tem a capacidade de reduzir os níveis de colesterol no sangue, sendo indicada para os mais variados tipos de receitas.

[CONFIRA TAMBÉM: FARINHA DE AVEIA – BENEFÍCIOS PARA A SAÚDE]

Farinha de banana verde

O que a distingue das demais é a sua composição, pois não tem gordura, possui menos calorias e carboidratos que as demais e ainda tem mais fibras que a banana madura.

Note que, pelo nome, essa farinha é produzida a partir da banana que ainda não está amadurecida. Por isso, ela pode fortalecer o sistema imunológico, melhorar o trânsito intestinal, evitar a sensação de inchaço e muitos outros benefícios.

[CONFIRA TAMBÉM: FARINHA DE BANANA VERDE – BENEFÍCIOS PARA A SAÚDE]

bolo integral maça

Farinha de chia

Fonte de fibras, essa farinha destaca-se pela ação antioxidante e pela presença de ômega 3. Assim como o próprio alimento, a farinha de chia é tida como um superalimento, por conta de seu valor nutricional altíssimo.

Farinha de coco

Quem precisa de uma outra alternativa contra o glúten tem na farinha de coco a solução. Como ela possui um sabor mais doce, pode ser um substituto para o açúcar, em determinadas receitas.

Possui muitas fibras, mas é rica em gordura, por isso, cuidado com um possível ganho de peso, se utilizá-la em demasia.

Farinha de linhaça

Auxilia no aumento dos níveis de colesterol bom (HDL), melhora a digestão e traz outros benefícios incríveis. A farinha de linhaça ainda pode ser um complemento para frutas ou colocada em saladas.

Farinha de quinoa

Destaca-se por ter um sabor mais forte que as demais farinhas integrais, por isso sua adição na alimentação deve ser feita com cuidado. Além disso, é indicada para a preparação de bolos, biscoitos e vitaminas.

Farinha de soja integral

Essa opção tem riqueza em fibras, proteínas e ainda conta com um baixo teor de sódio. Para bolos e tortas, essa farinha é ótima, devendo-se substituir 1/3 da branca por essa.

Farinha de trigo integral

Ao contrário da farinha normal, essa é produzida a partir da moagem dos grãos inteiros do trigo, mantendo o farelo e o gérmen. Isso faz com que a farinha de trigo integral tenha alto índice de nutrientes, tais como ferro e fibras.

Como preparar um bolo integral?

Fazer um bolo integral é relativamente simples, afinal, basta você optar por uma farinha integral de sua preferência e que se adapte às suas necessidades diárias.

As farinhas integrais podem ser facilmente inseridas em sua alimentação rotineira, mas o importante é que você tenha um limite de consumo diário, pois pode ocorrer constipação, graças à quantidade de fibras que elas possuem. Por isso, a dica é consumir, no máximo, três colheres de sopa por dia. Lembre-se que beber muita água também facilita a absorção desse tipo de farinha.

bolo integral

Por exemplo, um bolo integral de banana e uvas-passas, geralmente, tem como ingredientes principais a farinha de trigo integral, o extrato de soja e açúcar mascavo. Para preparar um bolo integral, basta utilizar a farinha integral de sua escolha e seguir a receita normalmente, conforme descrito!

Veja exemplos de bolos integrais deliciosos para lhe dar um incentivo a mais:

  • Bolo integral de maçã e banana;
  • Bolo integral de cenoura com laranja;
  • Bolo integral de coco;
  • Bolo integral de bananas e framboesas;
  • Bolo integral de ameixa.

Você pode, ainda, acrescentar, conforme a receita, as oleaginosas, para proporcionar ainda mais nutrientes ao seu bolo, tais como castanhas, amêndoas e nozes. Outras combinações diferenciadas são bem-vindas: basta você usar a sua criatividade e criar um bolo integral para cobiçar o seu paladar!


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

1 Estrela2  Estrelas3  Estrelas4  Estrelas5  Estrelas (Ainda sem avaliações)
Loading...

Quem Leu Este Artigo também costuma ler:

Deixe um Comentário