Bioimpedância – O que é? Como funciona e Quais cuidados tomar

A bioimpedância é um tipo de exame que faz uma análise profunda da composição corporal, apontando a quantidade, mais aproximada possível, de músculo, osso e gordura presentes no corpo. Esse exame é muito comum em academias e como complemento durante consultas de nutrição, para averiguar os resultados do plano de treino ou da dieta.

Também muito usado por esportistas, a bioimpedância pode ser feita a cada três ou seis meses, para que haja uma comparação dos resultados e a verificação de como tem evoluído a composição corporal de cada indivíduo.

Tal exame é realizado em balanças especiais, como a Omron ou Tanita, que possuem placas de metal e conduzem uma corrente elétrica muito fraca, que passa por todo o seu corpo. Dessa forma, além do peso atual, essas balanças exibem o quanto de gordura, músculo, água e, até mesmo, calorias o corpo elimina ao longo do dia. Tudo isso é comparado com dados de sexo, idade, altura e intensidade da atividade física, que são inseridos na balança.

bioimpedância

Como funciona o exame de bioimpedância

Por conta da corrente elétrica que circula pelo corpo, por meio das placas de metal, é possível fazer essa verificação. Isso ocorre devido ao fato de a corrente elétrica transitar facilmente pela água e, por isso, os tecidos que são muito hidratados (como músculos) deixam a corrente passar de forma mais fácil e rápida. Já os ossos e a gordura contêm pouca água, logo, a corrente tem maior dificuldade para seguir viagem.

A partir da diferença entre a velocidade com que a eletricidade passa pelos músculos e os contratempos durante a passagem pela gordura, torna-se possível, ao aparelho, fazer o cálculo do valor que mostra a quantidade de massa magra, gordura e água presentes no corpo da pessoa avaliada durante o exame.

Sendo assim, para que se saiba a composição do corpo do indivíduo, basta que ele suba na balança especial, descalço e sem meias, ou segure em suas mãos a placa de metal de um outro tipo de aparelho que faz o exame, porém menor.

No entanto, há uma diferença entre esses dois métodos de bioimpedância: no caso da balança, os resultados são mais precisos com relação à composição da metade inferior do corpo; já no aparelho que a pessoa segura com as mãos, o resultado mais aproximado é aquele que mostra a composição de tronco, cabeça e braços. Então, para que o resultado seja o mais preciso possível, é importante que o exame de bioimpedância combine os dois métodos.

Quais cuidados tomar antes e durante o exame de bioimpedância

exame de bioimpedância

O exame de bioimpedância é muito simples e rápido de ser feito. Porém, é necessário seguir alguns cuidados antes de se submeter a ele, tudo para garantir que os resultados sejam precisos e ajudem o indivíduo a alcançar o objetivo buscado. Veja, a seguir:

  • Não coma e não beba líquidos (exceto água) nas quatro horas anteriores ao exame;
  • Ingira de dois a quatro copos de água, cerca de duas horas antes do procedimento;
  • Não consuma bebidas alcóolicas nas 24 horas que antecedem o exame;
  • Não faça, um dia antes do exame, atividades físicas intensas e nem vá à sauna;
  • Evite beber, em excesso, produtos ricos em cafeína (chocolates, chás escuros e café) nos dois dias antes do exame;
  • Não passe creme nos pés ou nas mãos antes do teste;
  • Espere, no caso das mulheres, a conclusão do período menstrual para a realização do exame;
  • Não esteja febril no dia do exame;
  • Urine, ao menos, 30 minutos antes do início do teste.

Na hora do exame, é fundamental seguir alguns procedimentos, para que não haja interferência no resultado da bioimpedância. Confira:

  • O paciente deverá estar deitado na posição de supino, em superfície não condutora de eletricidade;
  • Objetos metálicos, como anéis, cordões, pulseiras, relógios, devem ser retirados;
  • Os eletrodos devem ficar sempre no mesmo lado do paciente. Por exemplo, entre braço direito e perna direita;
  • Durante a bioimpedância, o braço e a perna que estará com os eletrodos deve manter-se afastado 15cm do tronco do paciente;
  • A pessoa deve estar em repouso, no ato do teste, para que a medida da resistência e reatância volte a se estabilizar de forma rápida.

[CONFIRA TAMBÉM: COMO CALCULAR O PERCENTUAL DE GORDURA CORPORAL]


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

1 Estrela2  Estrelas3  Estrelas4  Estrelas5  Estrelas (Ainda sem avaliações)
Loading...

Quem Leu Este Artigo também costuma ler:

Deixe um Comentário