Benefícios treino HIIT – Indicações e Contraindicações

Está praticando o treino HIIT, mas não sabe quais os benefícios, bem como as indicações e contraindicações? Confira tudo, aqui no Quero Viver Bem!

Você já ouviu falar do Treino HIIT? Hoje em dia, a técnica é a mais popular entre os treinamentos em academias. O HIIT tem uma abordagem impressionante, que traz resultados para o organismo de forma rápida e intensa.

De acordo com profissionais, um treino HIIT pode durar somente 20 minutos, mas pode fazer com que você entre em forma. Contudo, é necessário entender melhor a respeito dessa modalidade, descobrir os seus benefícios reais, quais são os exercícios presentes no HIIT e se há contraindicações na prática. Confira tudo, só aqui no Quero Viver Bem!

O que é Treino HIIT?

Treino HIIT

Treino HIIT se refere a uma sigla inglesa: High IntensityInterval Training, que pode ser facilmente traduzida ao português como “treino intervalado de alta intensidade”.

Ou seja, o treino HIIT é toda a abordagem de treinamento que envolve sessões repetidas de alta intensidade. A pessoa irá atingir altos picos de alta intensidade intercalando-os com períodos de descanso, que podem tanto ser ativos – no caso, a pessoa continuará em movimento, somente com diminuição da intensidade – como passivos, em que há a parada total do corpo.

[VEJA TAMBÉM: 7 EXERCÍCIOS DE ALTA INTENSIDADE (HIIT)]

Em grande parte dos casos, o treino HIIT conta com pausas ativas. O tempo de recuperação (de descanso) pode ser variável, mas o intuito é continuar impulsionando o metabolismo e maximizando o uso de oxigênio.

Portanto, para entender completamente o treino HIIT basta memorizar suas duas características principais:

  • Sessões de treino de alta intensidade: significa que a frequência cardíaca da pessoa deve atingir de 85% a 100% da faixa máxima durante o treino;
  • Tempo de recuperação: significa que a frequência cardíaca da pessoa deve atingir de 40% a 50% da faixa máxima durante o período de descanso.

A modalidade tem grande versatilidade e eficiência!

Benefícios do treino HIIT

O treino HIIT pode proporcionar uma série de benefícios incríveis ao seu corpo, assim como qualquer outra prática física, é claro. Nada como movimentar o corpo e aliar a uma alimentação equilibrada!

Confira quais são os principais benefícios do treino HIIT:

  • Acelera o metabolismo mesmo 24 horas após o treino: isso acontece porque o corpo acaba consumindo mais oxigênio, o que provoca essa aceleração e, consequentemente, o gasto de calorias;
  • Aumenta e mantém a massa muscular, reduzindo os depósitos de gordura;
  • Aumenta e melhora a capacidade cardiovascular: há um condicionamento da frequência cardíaca e da respiração;
  • Estimula a sensação de saciedade;
  • Garante o emagrecimento: há uma considerável perda de calorias mesmo que a modalidade dure menos tempo que a grande maioria das atividades físicas realizadas em academias;
  • Melhora a coordenação, o equilíbrio e a agilidade;
  • Melhora a sensibilidade à insulina: o organismo fará uso de mais açúcar como fonte de energia.

O treino HIIT pode lhe motivar a superar os seus limites. Por ser um treino curto, uma grande vantagem é que o treino HIIT pode ser facilmente encaixado à sua rotina.

[LEIA TAMBÉM: 7 DICAS PARA MELHORAR A PERFORMANCE NO HIIT ]

Principais exercícios do Treino HIIT

Treino HIIT2

As aulas do treino HIIT podem ser bastante dinâmicas, sempre com exercícios diferentes. Você pode realizar esse treino entre duas ou três vezes por semana, lembrando que antes da prática é necessário o aquecimento do corpo.

Cada exercício do treino HIIT pode ser feito por 30 segundos, sem parar. No final da aula, faça alguns minutos de relaxamento.

Conheça os principais exercícios que podem fazer parte do Treino HIIT:

  • Agachamento com salto;
  • Bicicleta (ergométrica ou comum);
  • Corrida (esteira ou rua);
  • Escada de agilidade;
  • Flexão de braços e joelhos;
  • Levantamento de peso;
  • Natação;
  • Polichinelos;
  • Prancha frontal com deslocamento lateral;
  • Rotação diagonal.

[VEJA TAMBÉM: HIIT EM CASA!]

Se você procurar mais detalhes do treino HIIT, saberá que existem alguns protocolos bastante usados em relação a essa modalidade. Um exemplo é o Protocolo Tabata, cujo treinamento é composto por meio de 20 segundos de cada exercício, com 10 segundos de descanso.

Contraindicações do Treino HIIT

Qualquer pessoa pode realizar um treino HIIT, entretanto deve ter orientação de um profissional de Educação Física capacitado.

É claro que o treino poderá sofrer adaptações, especialmente quanto a intensidade quando uma pessoa começa o HIIT sendo sedentária.

Pessoas com algum problema osteoarticular, como no joelho, na lombar ou no tornozelo, devem sofrer limitações em alguns exercícios. Do mesmo modo acontece com pessoas com problemas no ombro, por exemplo.

Por estar elevando a frequência cardíaca a níveis altos demais, é fundamental a prática com o profissional. Além disso, a modalidade de exercício – se feita em casa (você encontra vários treinos HIIT na internet) – pode ser realizada de maneira errônea, o que leva a lesões de médio a longo prazo!

Gostou? Leia, também, o conteúdo Como o descanso pode potencializar os resultados dos treinos?


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário