Angústia – O que é? Causas, Sintomas, Tratamento, Como Prevenir

Você já ouviu falar em angústia e nos efeitos dela na vida das pessoas? Esse é um problema sério, que esclarecemos todas as informações, aqui no QVB!

A angústia é uma mistura de sensações físicas, mentais e psicológicas. Ela afeta a qualidade de vida das pessoas e pode ser sinal de sérios problemas de saúde, como a depressão. Também, pode originar doenças psicossomáticas.

Quem sofre com angústia também sofre com os pensamentos negativos, a sensação de culpa, o medo e a profunda tristeza. Além disso, também podem passar por crises de ansiedade, o que dificulta viver uma vida normal, principalmente diante de dificuldades, sejam elas pequenas ou não.

Entenda melhor o que é a angústia, quais os seus sintomas e como tratar e prevenir o problema, a seguir, só aqui, no Quero Viver Bem!

Angústia

Causas da angústia

A angústia, muitas vezes, é confundida com outros problemas, como a ansiedade ou até a depressão. Há casos em que também é confundida com problemas cardíacos.

As causas desse transtorno são variadas, podendo ser, por exemplo, devido ao excesso de questionamentos e incertas da vida, como dúvidas profissionais sobre qual carreira seguir, o que fazer no futuro, ou questões pessoais, como o fim de um longo e profundo relacionamento.

As cobranças pessoais são comumente grandes geradores de angústias, já que nessa vida corrida as pessoas querem sempre ser e ter mais. Em resumo, a angústia pode ser causada por questões emocionais mal resolvidas ou por problemas existenciais.

Sintomas da angústia

Entre os sintomas da angústia o mais marcante é a sensação de não ser capaz de tomar decisões. Há também a sensação de caos interior. Isso causa outros sentimentos ruins, como o desespero e a inquietação.

Além disso, há outros sintomas que se manifestam, dentre eles:

  • Irritabilidade;
  • Alterações do sono;
  • Excesso de preocupação;
  • Tristeza;
  • Desânimo;
  • Dificuldade de concentração;
  • Dor no peito e sensação de aperto;
  • Dor na garganta e sensação de aperto;
  • Batimentos cardíacos rápidos e descontrolados;
  • Palpitações;
  • Falta de ar;
  • Sensação de sufocamento;
  • Mãos trêmulas;
  • Dor de cabeça;
  • Pensamentos negativos;
  • Crises de ansiedade;
  • Medo excessivo, principalmente de algo dar errado.

Angústia

De todos esses sintomas, o que mais afeta e incomoda as pessoas é a sensação de vazio no peito e na vida. Esse sentimento faz com que muita gente desista de sonhos, de pessoas e até da própria vida. Atentar-se aos sinais é importante para conseguir uma vida melhor e mais feliz.

Tratamento

O tratamento para aliviar a angústia irá depender de uma série de fatores. Primeiramente, é necessário compreender o nível no qual o problema está. Muitas vezes, esse sentimento aparece em determinadas situações, como em momentos de luto, de problemas pessoais, financeiros e outros. Sendo assim, é algo passageiro.

Mas, também há casos em que a angústia é um problema que chega e se instala, atrapalhando a rotina e a vida das pessoas.

Uma boa solução é fazer terapia. Colocar para fora tudo o que causa a sua angústia e encontrar formas de trabalhar a inteligência emocional. Desenvolver certas habilidades como o autoconhecimento também contribui consideravelmente para diminuir e até eliminar os piores sintomas da angústia.

O melhor tratamento para o problema é encontrar motivos para viver, motivos para se conhecer melhor e procurar o que realmente faz feliz.

O que fazer em uma crise de angústia?

O autoconhecimento é uma caminhada que pode ser longa. Durante uma crise de angústia você poderá tentar algumas fórmulas que ajudam a aliviar a tensão e clarear o momento em que se vive.

Para isso, procure:

  • Controlar a respiração, respire calmamente;
  • Fazer exercícios físicos ou atividades para relaxar o corpo, como alongamento, corrida, ioga ou meditação;
  • Manter pensamentos positivos;
  • Descansar e tomar um banho relaxante;
  • Preparar chás, como de camomila;
  • Manter a alimentação saudável;
  • Conversar, seja na terapia ou com os amigos;
  • Aprender a lidar com seus sentimentos.

Angústia

Como prevenir?

Se você tivesse todas as respostas para a sua vida, para que iria acordar todas as manhãs? A busca por (auto)conhecimento, por realizar sonhos e cumprir objetivos faz parte da vida humana. De certa forma, a angústia faz parte da existência. Portanto, a questão não é prevenir a angústia, mas sim encontrar sentido em sua vivência.

Em outras palavras, o sentimento da angústia é o agente propulsor da vida. É a busca pelo alívio que torna a caça das razões de ser e agir melhores. Ao invés de tratar os sintomas e viver anestesiado, procure por autorrealização. Procure o que faz sentido em sua vida.

Isso fará com que você viva melhor e encontre alternativas para tornar sua vida mais feliz.


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário