Alimentos Que Potencializam O Mau Hálito: Veja Aqui!

Veja aqui quais são os alimentos que podem potencializar o mau hálito, quais são as maneiras mais indicadas de prevenção e muito mais.

O mau hálito, também conhecido como halitose, afeta mais da metade da população e pode ter diversas causas, como falta de higiene bucal, doenças do trato digestivo, diabetes, jejum prolongado, ingestão de alguns medicamentos, alimentação, dentre outros, sendo que os dentistas afirmam que a grande maioria dos casos é devido à escovação ineficiente de dentes, língua e bochechas.

Quando o odor desagradável não está relacionado com nenhuma das causas citadas acima, os alimentos ingeridos pela pessoa podem estar afetando negativamente o hálito. Abaixo, você poderá conferir quais são esses alimentos e como melhorar esse quadro pela alimentação.

Alimentos que causam mau hálito

Alimentos Que Potencializam O Mau Hálito: Veja Aqui!

Na boca, existem bactérias proteolíticas que, ao “consumirem” os restos alimentares e as células descamadas da mucosa, produzem gases chamados de compostos sulfurados voláteis, principais responsáveis pelo mau odor. Uma alimentação muito rica em proteínas e gorduras pode aumentar o número dessas bactérias.

Existem alguns alimentos que, por terem um cheiro mais forte, podem potencializar o mau hálito, são eles:

  • Cebola;
  • Alho;
  • Couve-flor;
  • Alcachofra;
  • Queijos;
  • Alimentos muito gordurosos (principalmente frituras);
  • Ovos;
  • Algumas frutas (como goiaba e mamão);
  • Alguns condimentos (como cravo-da-Índia, cominho e pimenta);
  • Maionese;
  • Salame;
  • Presunto;
  • Mortadela;
  • Sardinha.

A saliva mantém o pH bucal adequado e equilibra os níveis de oxigênio, assim, uma boca que apresenta pouca produção de saliva (xerostomia) propicia uma diminuição de oxigênio e, consequentemente, a ação de bactérias anaeróbias, que geram odores desagradáveis.

O consumo de bebidas alcoólicas é um fator que altera o hálito, pois deixa a boca mais seca, ressecando a mucosa e, por consequência, aumentando a descamação epitelial e provocando alteração da microbiota, o que produz a halitose.

Um estudo feito pelo médico dentista Rodrigo Avelãs Cavaco e por colaboradores, demonstrou que o café também costuma deixar a boca seca, podendo ser um dos causadores do mau hálito, piorando com os “extras” que costumamos adicionar, como leite e açúcar.

Ao ficar muito tempo sem comer (jejum), há uma redução da produção de saliva e maior fermentação, o que deixa a boca seca e aumenta o mau cheiro bucal. É por isso que quase todos nós temos aquele famoso e desagradável mau hálito matinal, devido ao fato de ficarmos a noite toda sem nos alimentarmos.

O mau hálito também pode ser explicado pelo hábito de fumar. Recentemente, alguns estudos vêm sugerindo que fatores emocionais, como o estresse, também são capazes de originar a halitose.

Alimentos que podem melhorar o hálito

Alimentos Que Potencializam O Mau Hálito: Veja Aqui!

A melhor maneira de reverter a situação é diminuir o consumo dos alimentos que podem potencializar o mau hálito e, principalmente, tratar a causa da halitose.

Contudo, são várias as alternativas para diminuir esse problema por meio da alimentação, como o consumo de alimentos que mascarem o cheiro, como hortelã, menta, alecrim, água, entre outros.

Alimentos ricos em fibras, além de forçarem a mastigação, estimulam o funcionamento das glândulas salivares, o que evita a xerostomia, uma das causas do mau hálito.

A maçã é considerada uma excelente aliada contra a halitose, pois, além de ser rica em fibras, estimula a produção de saliva e é um potente detergente para auxílio da limpeza da saburra da língua (restos alimentares, células descamadas, bactérias e enzimas ativas que participam do processo da digestão e que se acumulam na língua).

Portanto, para ter um hálito agradável, lembre-se de escovar muito bem dentes, língua e bochecha após as refeições; beba bastante água, para não deixar a boca seca; evite alimentos com cheiro forte ou que causem ressecamento bucal; prefira alimentos ricos em fibras; e, se achar necessário, carregue consigo pastilhas sem açúcar, para alguma “emergência”. Por fim, caso os sintomas permaneçam, procure um dentista ou médico, pois pode ser que a causa da halitose seja outra.


Referências utilizadas neste conteúdo:

O Café, Álcool E Tabaco Causam Mau Hálito. Por quê? https://lifestyle.sapo.pt/saude/saude-e-medicina/artigos/porque-e-que-o-cafe-o-alcool-e-o-tabaco-causam-mau-halito

Halitose e doenças digestivas: fatos e reflexões. http://www.moreirajr.com.br/revistas.asp?id_materia=2423&fase=imprime

Halitose: etiologia, diagnóstico e tratamento. https://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/37629/000821691.pdf?sequence=1

Halitose: Quais são os métodos de diagnóstico e tratamento da halitose? http://www.saliva.com.br/saliva/pdf/Sobrape.pdf


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário