Alimentação para eliminar gases

Você sofre com gases? Então, confira, aqui no Quero Viver Bem, as melhores dicas do que comer para aliviar ou ficar longe desses incômodos!

Quem nunca sofreu de gases que atire a primeira pedra! Afinal, esses são problemas tão comuns que, diariamente, afetam pessoas de todas as idades e de todos os sexos. No entanto, algumas pessoas têm maior incidência de serem afetadas por esse problema, como é o caso de idosos e recém-nascidos.

E quando os gases chegam, são tão incômodos que causam dor e mal-estar, principalmente por conta do cheiro que, muitas vezes, é bem desagradável.

Nessas horas, o tipo de alimentação pode fazer a diferença na produção e eliminação dos gases. Alguns alimentos ajudam a “empurrar” o bolo fecal, enquanto outros dão maior maleabilidade ao intestino, fazendo com que se diminua a incidência dos gases.

Para saber o que comer nestes momentos, confira, a seguir no Quero Viver Bem, uma lista com os melhores alimentos que ajudam a eliminar gases!

Alimentos que ajudam na eliminação dos gases

Alimentos para colesterol

Abacaxi e mamão

Essas duas frutas contém enzimas (bromelina e papaína) que estimulam a digestão, fazendo com o que o tempo percorrido no processo de formação de gases seja muito mais reduzido, portanto, evitando o acúmulo deles.

Cenoura, alface, laranja, manga e tomate

Esses alimentos são ricos em enzimas capazes de aumentar a maleabilidade do intestino, reduzindo, também, o tempo que o bolo fecal fica preso no intestino grosso e delgado, desacelerando o processo de produção de gases.

Ameixa-seca

Também tem grande poder laxativo, além de fibras que aumentam o potencial do metabolismo e diminuem a prisão de ventre, eliminando mais rapidamente o bolo fecal. A ameixa in natura também é útil neste quesito, porém um pouco menos eficaz.

Iogurtes e leite fermentado

Eles possuem os chamados probióticos, que aumentam a proporção de bactérias benéficas ao trato intestinal e digestivo, eliminado e impedindo o crescimento de outras bactérias causadoras de gases.

Mas cuidado! Se você for intolerante a lactose, o consumo desses alimentos causará ainda mais gases.

Gengibre

Este alimento é um estimulante gastrointestinal, o que faz com que o metabolismo seja acelerado. Também por conta da ação catártica, essa raiz evita a produção de gases e estimula o organismo a eliminá-los.

Salsa e erva doce

Muito esses itens sejam usados comumente apenas como temperos, eles têm um alto poder no controle da formação de gases no intestino, pois auxiliam no processo de digestão.

Água

Tomar bastante água durante o dia hidrata o bolo fecal, favorecendo a eliminação deste pelo intestino.

Chás de camomila, alecrim e hortelã

São antiespasmódicos, ou seja, inibem a motilidade da musculatura intestinal, facilitando a eliminação de gases.

Prevenção contra os gases

Por outro lado, existem vários outros alimentos que, se consumidos, ou consumidos de forma errada, tendem a aumentar a incidência de gases. Por conta disso, alguns hábitos devem ser evitados. São os casos de:

  • Beber líquidos durante as refeições, principalmente refrigerantes, que, além da flatulência, provocam alguns problemas estomacais, visto que algumas enzimas presentes no estômago são diluídas e não cumprem suas funções adequadamente no trato intestinal, quando em exposição a este tipo de bebida;
  • Consumir alimentos como repolho, brócolis, couve, couve-de-bruxelas, ovos, lentilha, feijão e grão-de-bico, por conterem enxofre, um dos componentes dos gases (além de nitrogênio, oxigênio, metano, hidrogênio e dióxido de carbono) e oligossacarídeos que o organismo não consegue decompor totalmente, o que facilita a produção de gases;
  • Ingerir bebidas alcoólicas, principalmente as fermentadas, como a cerveja, que tem levedo e outros causadores de gases naturais.

Siga essas dicas e você não passará mais constrangimentos devido ao excesso de gases!


Este texto foi revisado pelo Profissional: Thais Karpowiski (conheça mais sobre ele(a) clicando no link)

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

Sua avaliação servirá para que tenhamos uma noção da qualidade dos nossos conteúdos. Além de marcar a quantidade de estrelas que esse conteúdo merece, não esqueça de deixar seu comentário.

Deixe um Comentário